É a máfia da Boca Livre: 29 pessoas são indiciadas por rombo milionário via Lei Rouanet.

A operação Boca Livre da Polícia Federal, que investiga corrupção em projetos culturais,  indiciou 29 investigados por desvios de dinheiro público estimado em R$ 30 milhões liberados pelo Tesouro via Lei Rouanet. As informações são da Veja. Foram indiciados empresários, um advogado e executivos das empresas: Intermédica Notredame; KPMG; Lojas Cem; NYCOMED PHARMA (Takeda); Grupo Colorado; Cecil S/A, Scania; Roldão; Demarest Advogados e Laboratório Cristália, por estelionato … Continuar lendo É a máfia da Boca Livre: 29 pessoas são indiciadas por rombo milionário via Lei Rouanet.

Anúncios

Quase 90% dos projetos recebedores da Rouanet são irregulares, diz CGU

De acordo com a Folha de São Paulo, dos 34,1 mil projetos inscritos no Ministério da Cultura desde a criação da Lei Rouanet, em 1991, ao menos 29,9 mil apresentam irregularidades —ou 87,7% do total. A conta foi elaborada pela Controladoria Geral da União e apresentada à imprensa por Roberto Viegas, chefe do órgão em São Paulo, na quinta-feira (27), durante a entrevista coletiva em que … Continuar lendo Quase 90% dos projetos recebedores da Rouanet são irregulares, diz CGU

Envergonhado, até Fabio Porchat abandona a narrativa do “golpe”

  O comediante Fábio Porchat, cujo nome apareceu recentemente na Operação Boca Livre, que investigou fraudes através da Lei Rouanet, concedeu uma entrevista para a Folha de São Paulo neste fim de semana a respeito do caso e também aproveitou para comentar brevemente sobre o momento político do país. Além de dizer que votou em Marina Silva em 2014, Porchat também deixou claro que a … Continuar lendo Envergonhado, até Fabio Porchat abandona a narrativa do “golpe”

Pai de Fábio Porchat hoje é investigado. Seu filho ridicularizou a PF meses atrás.

Recentemente, a Operação Boca Livre, da Polícia Federal, passou a investigar fraudes na Lei Rouanet, em especial aquelas envolvendo o empresário Antônio Carlos Bellini e seu filho, Felipe Belini, respectivamente presidente e gerente do grupo Bellini.  Um dos escândalos relacionados aos dois inclui o custeamento de um casamento milionário, supostamente com recursos da Lei Rouanet. O pai do humorista, Fábio Ferrari Porchat de Assis, foi delatado por uma … Continuar lendo Pai de Fábio Porchat hoje é investigado. Seu filho ridicularizou a PF meses atrás.

Pai de Fabio Porchat não consegue citar livros recebidos de investigado na Boca Livre

O empresário Fábio Porchat, pai do humorista homônimo do grupo Porta dos Fundos, negou que tenha recebido declarações falsas de recebimento de livros ao Grupo Bellini Cultural, investigado pela Operação Boca Livre. Kátia Piauy, auxiliar administrativa e financeira que atuou para o grupo, apontou diversas “fraudes praticadas pelo Bellini Cultural”. Entre elas, o fato de a Academia Latino Americana, dirigida por Fábio Porchat, supostamente ter … Continuar lendo Pai de Fabio Porchat não consegue citar livros recebidos de investigado na Boca Livre