Villaça, pseudo crítico de cinema esquerdista, é linchado por outros esquerdistas após comentário sobre o Oscar

O auto-proclamado crítico de cinema Pablo Villaça, bem mais conhecido por militância esquerdista do que pelo que diz ser seu emprego, foi atacado por outros esquerdistas após defender Rubens Filho, comentarista do Oscar na TNT.

Rubens foi injustamente atacado nas redes sociais durante a semana por um comentário absolutamente verdadeiro e realista sobre Daniela Vega, a “atriz” do filme chileno “Uma mulher fantástica”. Vega, cujo filme levou um Oscar, é na realidade um homem, e o filme é sobre transexualidade. Durante a cerimônia do Oscar no domingo passado, Rubens Edwald Filho quis informar os espectadores sobre o fato de Vega não ser mulher de verdade, o que é fato, e passou a ser criticado.

Villaça, por sua vez, quis defender o colega de profissão e fez comentários positivos sobre ele. Por conta disso, sofreu linchamento da mesma turma que defende. Ou seja, foi vítima do próprio veneno. Ele chorou sobre o tema nas redes sociais:

pablo otário.JPG

Villaça é desses que fazem linchamento público com os outros e que endossam a perseguição e o patrulhamento ideológico, similar ao fascismo de redes sociais. Obviamente ninguém tem peninha dele.

Anúncios

Deixe uma resposta