Carnavalesco responsável por protesto contra reformas admite: “Antes éramos parceiros do poder, hoje somos oposição”

O autor do enredo para a escola de samba Paraíso do Tuiuti, carnavalesco Jack Vasconcelos, assumiu claramente em entrevista para o site Carnavalesco que agiu por interesse político.

No desfile deste ano, a Paraíso do Tuiuti protestou contra as reformas do governo Temer, inclusive fazendo alusões absurdas à escravidão, o que de certo até banaliza o tema. Contudo, ele disse na entrevista o que o motivou a escolher esta abordagem. Quando questionado sobre o carnaval trazer mais enredos críticos, Vasconcelos respondeu:

“Eu acho que é positivo a gente poder se posicionar. Muito disso tem relação com a troca de governo. Hoje somos oposição e antes éramos parceiros do poder e não podíamos arranhar a relação. Enredo mais críticos não eram incentivados. Agora com uma guerra declarada tem essa abertura maior. Os dirigentes nos deixam livres, e temos mais é que fazer”.

Basicamente, o carnavalesco admitiu que a atuação da escola de samba foi totalmente política e que teve por trás disso a boa relação que o grupo mantém com o PT. Agora tudo faz sentido.

Anúncios

Um comentário sobre “Carnavalesco responsável por protesto contra reformas admite: “Antes éramos parceiros do poder, hoje somos oposição”

Deixe uma resposta