Índia de verdade faz vídeo defendendo uso de fantasias de carnaval e dá nos dedos de esquerdistas calhordas

Quem usou redes sociais nos últimos dias provavelmente soube da mais nova patifaria armada por esquerdistas: problematizar fantasias de índio. A ideia, basicamente, é que usar cocares ou pinturas similares aos adereços dos índios seria uma forma de racismo e uma ofensa a cultura deles.

Que é pura bobagem, já se sabe. Contudo, a coisa toda perdeu muito o rumo quando uma indígena de verdade, nascida no Parque do Xingu, resolveu gravar um vídeo defendendo o uso dos adereços e o compartilhamento das culturas. Veja:

Ysane, da tribo Kalapalo, não só é favorável ao uso destes adereços por pessoas de outros povos e raças como, ainda, dá nos dedos de quem usa essa conversa fiada de “apropriação cultural”. Para ela, é um compartilhamento de culturas, e ela mesma diz que também usa roupas de “gente branca” quando está na cidade.

E agora, esquerdistas? Onde vão enfiar suas caras repulsivas?

Anúncios

2 comentários sobre “Índia de verdade faz vídeo defendendo uso de fantasias de carnaval e dá nos dedos de esquerdistas calhordas

  1. eu não te entendo, Roger. você e seus amigos da direita [conservadores, reacionários – redundância] vivem reclamando que nós fazemos “patrulha politicamente correta”. Você leu a reação inclusive entre nós da esquerda? sim, aqui nós temos espaço para diálogo e polêmica. eu não posso dizer o mesmo do seu clubinho.

  2. a cachorrada petista, junto com os bostas do psol, e demais vagabundos e parasitas comunistas, estão deixando o Brasil, um nojo! tudo é motivo de mimimi, eu não posso chamar um amigo de viado, não posso chamar um amigo negro de “negão”, e demais besteiras, eles mesmo, é que estão criando esta cortina do politicamente correto e acabaram dividindo o pais..bando de babacas, ladrões e vagabundos sem vergonhas.

Deixe uma resposta