Caciques tucanos participarão de evento com outros socialistas para “esquerdar pra valer”

Lideranças do PSDB, PT, PSB, PSD, PPS e PV vão se reunir no próximo sábado (02/12), em São Paulo, para buscar pontos em comum “em defesa da democracia e dos direitos humanos”.

O evento, chamado “Manifesto de Convergências pela Democracia e Direitos Humanos”, foi convocado pelo grupo “PSDB Esquerda Pra Valer” em parceria com o Instituto Teotônio Vilela (ITV) e deve reunir os tucanos José Serra e José Gregori, o presidente do ITV, José Anibal, e o presidente interino do PSDB, Alberto Goldman, além do vereador Eduardo Suplicy (PT), Aldo Rebelo (PSB), Eduardo Jorge (PV), Andrea Matarazzo (PSD) e Arnaldo Jardim (PPS).

esquerda-pra-valer-1.jpg

O objetivo, segundo organizadores, é buscar pontos de convergência apesar das “diferenças ideológicas” e disputas eleitorais. Integrantes do PSOL e Rede também foram convidados mas não estarão presentes porque seus partidos realizam congressos nacionais no mesmo dia. A ideia é que o evento gere um manifesto suprapartidário que será apresentado a “movimentos sociais” ligados à esquerda.

O governador de São Paulo e pré-candidato à Presidência da República pelo PSDB, Geraldo Alckmin, não tem presença confirmada no evento. Entretanto, o tucano participou de outro evento do mesmo grupo em outubro onde afirmou que “o liberalismo completo é a incivilização porque é o grande comendo o pequeno”.

Anúncios

3 comentários sobre “Caciques tucanos participarão de evento com outros socialistas para “esquerdar pra valer”

  1. A tática comunista não muda:
    – Acusar os outros daquilo que eles são;
    – Falar sempre em Democracia;
    – Etc.
    E fazem questão de mostrar, na figura, um dos símbolos maiores do comunismo:
    O PUNHO CERRADO!

  2. O PSDB, com esta iniciativa vai cair num atoleiro. O esquerdista FHC agradece. Alckmin, no meu entender, jamais chegará à Presidência, por incompetência do Partido que, no momento, está esquecendo do Brasil e, como os da esquerda, dando espaço para o egocentrismo.

Deixe uma resposta