“Petrobrás deve ser administrada como se fosse empresa privada”, diz ministro

O Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, esteve no evento promovido pela Veja, o seminário Amarelas Ao Vivo, e lá ele comentou a questão da Petrobrás. Para o ministro, a estatal deve mudar de rumo e precisa começar a ser administrada como uma empresa privada, ou seja, com foco em resultados positivos e respeito ao sistema de mercado.

“A questão de privatização da Petrobras tem que levar em conta as tradições do País, mas claro que ela tem que ser administrada como se fosse uma empresa privada”, afirmou.

Tendo isso em mente, segundo Meirelles, a ideia é amadurecer a empresa para, no futuro, privatizá-la, assim como já está acontecendo com a Eletrobrás.

Aliás, sobre a Eletrobrás, o ministro comentou que está em estágio mais maduro para privatização e voltou a afirmar que a venda da estatal do setor elétrico será tão relevante ao País quanto foi a privatização da Telebrás nos anos 90.

Para quem não se lembra, antes da privatização da Telebrás era “possível” ter um telefone em casa, mas desde que a pessoa comprasse ações na estatal. Por isso que até o fim dos anos 90 o telefone era coisa de rico, e aí vieram as privatizações e tornaram tudo muito mais acessível. Só para se ter uma ideia, se não tivesse ocorrido a privatização naquela época, hoje é perfeitamente possível que ainda tivéssemos acesso a serviços de telefonia mais precários do que os atuais.

 

Anúncios

2 comentários sobre ““Petrobrás deve ser administrada como se fosse empresa privada”, diz ministro

  1. Senhores, menos demagogia e mais privatização de fato, por favor! De nada adianta falar em gestão de empresa privada se a empresa ainda for controlada pelo governo. Os políticos, os apaniguados e seus jabutis continuarão reinando sem a privatização de fato.

Deixe uma resposta