Dirceu recorre, mas Tribunal mantem aumento de pena na Lava Jato

O Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF4) negou nesta terça-feira, 21, recurso para o ex-ministro José Dirceu (Casa Civil/Governo Lula), ao rejeitar embargos de declaração interpostos por sua defesa. A decisão se estende a outros réus da Operação Lava Jato do núcleo da empreiteira Engevix. Neste processo, Dirceu foi condenado a 30 anos e dez meses de prisão. Atualmente, ele está em liberdade, por decisão do Supremo Tribunal Federal.

Além de Dirceu também é acusado no processo o ex-diretor de Serviços da Petrobrás Renato Duque.

Os desembargadores da 8.ª Turma do Tribunal negaram os recursos de Dirceu, Gerson de Mello Almada e Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, ‘mantendo-se assim a integralidade do acórdão julgado em 29 de setembro’.

Neste processo, o juiz federal Sérgio Moro havia condenado Dirceu a 20 anos e dez meses de prisão. O TRF4 aumentou em mais dez anos a pena.

A informação é do Estadão.

Anúncios

Um comentário sobre “Dirceu recorre, mas Tribunal mantem aumento de pena na Lava Jato

  1. Mas o que adianta isso .. pra mim e Palhaçada da Justiça Brasileira.. O vagabundo está condenado a 30 anos de prisão , e está solto, tirando SARRO da Justiça …
    This happens only in Brazil !!!

Deixe uma resposta