A branca Samara Felippo rouba lugar de fala e diz: “O branco tem de calar a boca”. Mas por que ela está falando?

Leia o que foi publicado pela Veja:

Enquanto grava as cenas para a próxima novela da Record, Apocalipse, que estreia em novembro e traz Sérgio Marone como anticristo, Samara Felippo se dedica ao canal que acaba de lançar no YouTube sobre empoderamento infantil negro. Explica-se: mãe de Alícia, de 8 anos, e Lara, 4, nascidas do casamento com o jogador de basquete Leandrinho, que é negro, a atriz se viu às voltas com o preconceito racial quando a primogênita cismou em alisar as madeixas. “Que mundo é esse? Já recebi um vídeo em que uma mãe esticava os cabelos da filha de 2 anos e a menina chorava de dor. Quero preservar a autoestima das minhas filhas e de outras crianças. A negritude é linda”, afirma Samara. “O branco tem de calar a boca e ouvir. Na minha casa, não entram mais Barbies loiras nem expressões como ‘mulata’ e ‘minha nega’.”

A começar, a pergunta: Se brancos devem se calar, por que Samara Felippo está falando?

De qualquer forma, o que ela cita como exemplo de preconceito racial não chega nem perto de ser racismo de verdade. O fato de alguém querer alisar o cabelo não significa absolutamente nada, já que há mulheres brancas com cabelo crespo que também alisam. Aliás, cabelo crespo nunca foi exclusividade dos negros, uma boa parte das pessoas ruivas também tem.

Anúncios

37 comentários sobre “A branca Samara Felippo rouba lugar de fala e diz: “O branco tem de calar a boca”. Mas por que ela está falando?

    1. Quanta intolerância por parte da atriz – ” criticar” quem alisa os cabelos : e os que querem cachear ? Também é ” incorreto ” ? Incoerência ao rebater o preconceito com muito mais ” preconceito ” : E ninguém Tem que se calar porque ela quer ! Podemos opinar sobre quaisquer temas , a Constituição nos garante .

    2. Tá chato esse negócio de que assumiu a sua cor porque parou de alisar o cabelo, cada um faz o que quiser com seu cabelo, da a impressão de quem tanto se preocupar em levantar bandeira de antiracismo aí sim principalmente o povo negro que adora se fazer de vítima porque é guerreiro, assume cabelo sofre com bulyng etc são sim racistas, eu sou negra casada com negro vivo minha vida e me vitimizando

  1. Para uma pessoa ser chamada de branca ė preciso que tenha 100 % do dna ariano e nao ė oque se ve por aqui e isso so eziste em poucos lugares do mundo ,outro dia descobriram 16 por cento de dna negro em um lider supremascista ingles

  2. Jura?
    Ja acabou?
    Meu Deus, isso é um artigo?
    Uma matéria?
    Isso é mais um daqueles comentários ridículos sem profundidade nenhuma, sem averiguação de nada, sem conhecimento de nada, apenas colocado em destaque como se fosse matéria.
    Aff.
    O que estão ensinando nas faculdades de jornalismo hoje em dia.
    Ou nem fez jornalismo e tá achando que seu achismo é melhor do que os outros?

  3. Ah na boa! Ela nao disse nada demais, é so uma mae tentando, do jeito dela, proteger suas crias. Se nao é facil para um negro se posicionar corretamente, qto mais um branco, msm q cheio de otimas intencoes… Na boa MBL, sou fã de vcs, mas parem de ser chatos tb… ja deu q pé no saco!!!

  4. Ela é a racista. As meninas serão burras quando crescer . Isso sim é horrível. Alias o ex marido dela e pai das meninas, está namorando uma branca, modelo e linda hehehehe

  5. Tudo vira polêmica .Depois perguntam porque tanto ódio contra os artistas Eles falam como se fossem os donos das verdades e o povo ignorante.

  6. Não alisando ou pintando o cabelo que você se torna racista cada um usa o cabelo do jeito que quer esse falso discurso hipócrita da samara Felipo é racista e quem ela acha que é para mandar alguém calar a boca.

  7. Não, cabelo crespo é visto como uma característica negra e se ela é mãe de uma criança negra é ela que tem que falar pela criança, lugar de fala não é que brancos não tem que falar, brancos não deve falar quando há um protagonista do caso para fala e se não houver é importante que brancos falem sobre racismo também, se não fica como se fosse um problema nosso e não é. È preciso que eles, os brancos se identifique como tal para reconhecer que que lugar está falando. O racismo é estrutural e tem que ser exposto por todos sem tomar o lugar de fala do negro. Se assim fosse como criticar um negro que reproduz racismo, seguindo essa lógica ele está certo por ele ser negro. E não é bem desse modo que funciona. Ninguém deve ser barrado de um ato político. Tem que ter lugar de fala, porém esse lugar não é um gesso. Eu sou negra e minha mãe é branca e foi muito importante ela se posicionar, porque eu não tinha capacidade para falar sobre, porque era criança.

    1. Querida, esta senhora que esta tentando se promover, esta trazendo ao undinho, ja bastante preconceituoso, mais divisao… cabelo crespo é visto como uma característica de todo tipo de pele… menos asiatica e indigena… O resto todas tem cabelo crespo.
      E se este fosse o grande problema do negro no BR e no mundo, nao seria problema de fato, pq todos esticam cabelos!
      No existe isso de “calar’ uma voz… Seja branca ou preta ou vermelha ou amarela.
      Todos tem direito de falar… Qdo crianca sofri preconceito por ser banquela – como me chamavam e magrela… Minha mae nao saiu por ai mandando ninguem calr. Ela me ensinou sobre diferenças e sobre a realidade…
      Com isso sobrevivi, sem ofender, sem preconceituar e sem matar (referindo ao garoto qur matou os colegas por bulling/preconceito) ninguem!
      Chega de divisao e de busca por 15 minutos de fama!

  8. Vou só citar Morgan Freeman: ” O dia em que pararmos de nos preocupar com Consciência Negra, Amarela ou Branca, e nos preocuparmos com Consciência Humana, o racismo desaparece.

  9. Samara…
    Questão escravizou o negro africano foi o próprio negro nas intermináveis lutas tribais que ocorrem até hoje sua demente…
    Vc é mesmo muito burra…
    A única branca a calar a boca aqui é vc.

  10. Puta que pariu! Será que não tem outra maneira destes deslumbradas se promoverem. Vamos parar de dar notícias e espaço para essas babaquices dessas dondocas.

  11. Mais uma gaiata querendo aparecer (neste caso, REAPARECER!) com polemiquinhas futeis, colocadas como “ALGO”…
    Eckkka…
    Esta senhora que está tentando se promover, está trazendo ao mundinho, ja bastante preconceituoso, mais divisao… cabelo crespo é visto como uma característica de todo tipo de pele… menos asiatica e indigena… O resto todas tem cabelo crespo.
    E se este fosse o grande problema do negro no BR e no mundo, nao seria problema de fato, pq todos esticam cabelos!
    No existe isso de “calar’ uma voz… Seja branca ou preta ou vermelha ou amarela.
    Todos tem direito de falar… Qdo crianca sofri preconceito por ser banquela – como me chamavam e magrela… Minha mae nao saiu por ai mandando ninguem calr. Ela me ensinou sobre diferenças e sobre a realidade…
    Com isso sobrevivi, sem ofender, sem preconceituar e sem matar (referindo ao garoto qur matou os colegas por bulling/preconceito) ninguem!
    Chega de divisao e de busca por 15 minutos de fama! Cada dia uma nova frase fatal!
    Ridiculas!

  12. Samara quem?
    Não conheço a figura, nem sei o que ela fez ou faz na vida. Se teve filhos ou cria coelhos, não me interessa. Se suas filhas brincam com Barbie ou com boneco do Falcon tb não! Então… Cala a boca vc, aspirante a “subcelebridade”!

Deixe uma resposta