OMO faz propaganda com ideologia de gênero para o Dia das Crianças e recebe chuva de negativações no Youtube

A OMO lançou, no Youtube, um “comunicado” aos pais e mães como uma campanha para o Dia das Crianças. Por conter ideologia de gênero, ainda que de forma muito discreta e sutil, o vídeo recebeu uma chuva de negativações.

ScreenShot_20171010114130.png

A verdade é que as pessoas estão tão saturadas com essa temática que simplesmente não suportam mais nada que venha disso. A reação, agora, é rejeitar mesmo que o conteúdo não seja explícito.

Anúncios

28 comentários sobre “OMO faz propaganda com ideologia de gênero para o Dia das Crianças e recebe chuva de negativações no Youtube

  1. Este assunto já virou palhaçada. Povo ridículo! A partir de hoje, nunca mais compro Omo. Sempre fui cliente, mas com tantas opções de qualidade e mais baratas. Ainda quer influenciar meus filhos? Estou fora Omo. E espero que as pessoas que ainda tem juízo neste país, comece a fazer isso com todas as empresas que tentarem destruir sua família. Abaixo esta ditadura deste povo que quer respeito, mas não respeita a família brasileira. Ridículos!

  2. Estamos convidando a todos os consumidores que não são favoráveis à que digam como devem educar seus filhos, dentro de seus valores morais e Cristãos que boicote todo e qualquer produto da Unilever, empresa da qual a Ono faz parte.
    #UnileverLixo
    #DeixemNossasCriancasEmPaz

  3. Chega! Chega da politica acuse-os do que você é. Chega da lavagem cerebral. Não toleramos mais a lavagem cerebral do marxismo cultural. O povo esta acordando. Chega de transformar todo e qualquer um que discordem de vocês em um intolerante facista homofóbico racista. Vocês aos poucos vem testando os limites pra ver o quanto aguentamos. Pois vos digo, CHEGA. Posso eu transar com uma menina de 13 anos? Posso? Respondam! Caetano pode! Isso em 2017 ainda e PEDOFILIA. Chega de expor nossas crianças. Deixem que elas se descubram num processo natural. Aprendi que o mais forte deve sempre defender o mais fraco. Aprendi que democracia e o governo da MAIORIA do povo, pelo povo e para o povo. Governos de minorias sobre maiorias é DITADURA. E é essa ditadura comunista seguindo a agenda de Antonio Granmsci que voces querem nos impor. Vocês nao nos representam. Voces nao representam a maioria. Convido a todos os irmãos que se unam e deixem de prestigiar os artistas que destroem valores da nossa sociedade judaico-cristã ocidental. Vamos defender a familia mais uma vez

  4. PELAMOR… Quanta bobagem. “Destruir a família”. “Valores cristãos”. Menos povo, bem menos. O que destrói a família são pais que não ajudam nas tarefas de casa, nunca trocaram uma fralda dos filhos e não lavam as próprias cuecas. Que acham que as esposas não têm direito de dirigir. Tudo embutido desde cedo nesses estereótipos de menino com carrinho, menina com panela. Menos histeria, menos conservadorismo. Jesus não vai morrer de desgosto se seu filho resolver brincar de casinha.

  5. O pessoalzinho que reclama da “geração mi mi mi” e que o politicamente correto não deixa ninguém fazer nada são os primeiros a fazer mi mi mi e a querer proibir qualquer coisa que seja diferente do que pensam.

  6. Com certeza …ninguém suporta mais essa temática…querem obrigar o mundo a aceitar isso…liberdade de expressão. também para aqueles q não aceitão…liberdade de expressão. só pra quem diz sim ? e pra quem diz não?
    CADE A LIBERDADE DE EXPRESSÃO ????

  7. Concordo com vocês! Chega, basta não somos marionetes pra ficar jogando com a gente. Abaixo globo lixo , o modelo lixo. Todo que queiram destruir a família. Nós não vamos deixar.

  8. Cuida de fazer sabão, da educação das crianças cuidamos nós que somos pais. Vc deram um tiro no pé dessa vez… Que vergonha. Usa o sabão pra limpar a sujeira que vcs fizeram?!

Deixe uma resposta