Em Maringá, vereador que fiscaliza contas públicas é perseguido por prefeito

PARANÁ – Em Maringá, o vereador Homero Marchese está sofrendo perseguição do prefeito Ulisses Maia e sua base. O motivo? Homero está desempenhando seu papel como representante do povo e fiscalizando as contas públicas, entenda o caso aqui.

Em vídeo, Kim Kataguiri, do Movimento Brasil Livre, explicou o que está acontecendo na cidade, a terceira maior do Paraná, e alertou para que a população cobre de seus vereadores para que este absurdo não seja tolerado.

Assista:

Anúncios

Deixe uma resposta