Feminista tenta lacrar com textão empoderado e acaba condenada a 36 mil em danos morais por difamação

Uma autoproclamada feminista chamada Bianca Francine Baptista Furquini tentou causar na internet com um “textão empoderado” denunciando machismo e acabou condenada a pagar 36 mil reais. O caso aconteceu no interior de Minas Gerais.

Jorge Moreira do Egito processou a moça por difamação após ela o acusar de assédio e machismo. Veja a retratação de Bianca:

valores.jpg

As informações são do LiberNews.

Anúncios

8 comentários sobre “Feminista tenta lacrar com textão empoderado e acaba condenada a 36 mil em danos morais por difamação

  1. Aqueles que acreditarem na verdade e por ela guiarem seus atos de coração aberto e mente limpa serão sempre mais fortes e prósperos do que aqueles que rastejam na mentira e se apoiam nos alicerces podres da hipocrisia. Confie.

  2. boca fechada não entra mosca… aprendi esta a muito tempo… e muita gente.. valente, atrás dos teclados… sem pensar no que estão escrevendo.. ou atacando. vejo isto a toda hora. e quando digo para tomarem cuidado… me mandam tomar no cu..idado…..meu… então.. fez.. pague..fazer o que.. lição dada liçao aprendida… novamente… boca fechada não entra mosca

  3. Procurando o nome do Jorge no google acha umas coisas legais sobre agressão a mulher heim!

    Condenada ela não foi, não tem que pagar nada hahaha ou vocês são burros ou não sabem pesquisar as coisas mesmo

Deixe uma resposta