Crivella sobre Queermuseu no Rio: “Só se for no fundo do mar”

“Saiu no jornal que vai ser no MAR. Só se for no fundo do mar”, rebate Marcelo Crivella, em um vídeo com tom de chacota, a possibilidade de a exposição Queermuseu ganhar uma temporada o Museu de Arte do Rio, o MAR. A mostra teve a sua temporada encurtada no Santander Cultural em Porto Alegre depois da grita conservadora dos que relacionaram seus quadros a pedofilia e zoofilia.

O vídeo se segue ao de João Doria, prefeito de São Paulo, que gravou um vídeo criticando tanto a Queermuseu como a performance do artista plástico fluminense Wagner Schwartz, que se desnuda para emular um bicho de Lygia Clark e que, em uma sessão para convidados promovida no MAM-SP, foi tocado no pé por uma criança.

As informações são do Radar On-Line.

Anúncios

2 comentários sobre “Crivella sobre Queermuseu no Rio: “Só se for no fundo do mar”

Deixe uma resposta