Coutinho confessa que “apoio do BNDES foi dirigido à internacionalização da JBS”

O Antagonista noticiou:

Luciano Coutinho diz que a JBS já tinha vida própria quando bateu à porta do BNDES, tendo realizado “mais de 30 aquisições de frigoríficos nacionais”.

O BNDES, segundo ele, nem sequer participou do IPO da JBS em março de 2007.  “O apoio do BNDES foi dirigido fundamentalmente à internacionalização da JBS.”

Ele cita que R$ 5,6 bilhões foram para aquisições no exterior e R$ 2,5 bilhões para a fusão do Bertin. Todo esse dinheiro em participação acionária, via BNDESPar, além de linhas de crédito do BNDES via bancos privados.

Anúncios

Deixe uma resposta