Esquerdistas precisam decidir: Todo homem é estuprador em potencial ou homens nus que tocam suas genitálias em meninas são artistas?

por Roger Scar

Por anos eu vi feministas usando o patético jargão de que “todo homem é um estuprador em potencial”. Algumas mais radicais tratam até o sexo consentido entre adultos como um ato de submissão da mulher ao homem, só para se ter uma ideia do nível de intelecto baixo ao qual chegamos. Agora, no entanto, estas mesmas pessoas estão apoiando fortemente a exposição pedófila do Museu de Arte Moderna, na qual um homem fica nu diante do público e é tocado nas genitálias por meninas, muitas delas em idade ainda muito infantil.

Antigamente era visto como normal o casamento arranjado entre homens e garotas ainda menores de idade, em muitos casos meninas bem jovens. Com o tempo isso foi mudando e a sociedade evoluiu ao nível de considerar isso errado – porque é mesmo errado. Em alguns países, especialmente países muçulmanos, ainda é normal que meninas sejam praticamente escravas sexuais de marmanjos, muitas vezes até punidas com violência caso resistam. Tudo isso, aliás, permitido por lei!

Quando se trata de muçulmanos, entretanto, as mesmas feministas ficam do lado dos homens, nunca das mulheres. Aparentemente fazer piadinha com a Maisa no programa do Silvio é um crime grave, mas apedrejar uma mulher em público por suposta infidelidade não tem nada demais.

Agora, no caso do MAM, estas pessoas querem nos convencer de que um homem adulto ficar pelado e ser acariciado por crianças é totalmente normal, uma “expressão artística” válida. Chega a ser patético, mas não é surpreendente.

Anúncios

Deixe uma resposta