Associação Brasileira de Imprensa faz homenagem a Che Guevara, que assassinou a liberdade de imprensa em Cuba

Che Guevara, assassino, terrorista e psicopata adorado pela extrema esquerda, foi homenageado em um evento na sede da Associação Brasileira de Imprensa, no dia 20 deste mês.

Se trata de um in memoriam: a Medalha Abreu Lima 2017, concedida pela Casa da América Latina. A cerimônia relembrou a vida do criminoso. A mesma “honraria” também já foi entregue ao amigo de Guevara, Fidel Castro, falecido ditador de Cuba.

Um dos presentes na mesa era Lincoln Penna, professor aposentado da UFRJ. Ele considera Guevara “uma das maiores lideranças históricas da história” e um “referencial” na “luta da independência e defesa contr o imperialismo”.

“Hoje estamos vivendo um período difícil da humanidade, quando o grande capital financeiro está devorando a dignidade dos povos. O que enfrentamos hoje é mais do que uma ditadura. Creio que todos temos uma tarefa maior de denunciar e combater esse inimigo com o sentimento de pertencimento. Temos que ter Che como referência na ação libertadora das Américas”.

A realidade é óbvia, a associação é um antro da extrema esquerda, daquela que parou na década de 60. A medalha é ceder honraria para assassinos.

Fonte: http://www.ilisp.org/noticias/associacao-brasileira-de-imprensa-sedia-homenagem-a-che-guevara/

Anúncios

5 comentários sobre “Associação Brasileira de Imprensa faz homenagem a Che Guevara, que assassinou a liberdade de imprensa em Cuba

  1. Vocês não tem vergonha na cara em homenagear um lixo como este guevara? Ação libertadora das Américas? Contra “imperialismo “? Tenham dó! Vão para o inferno…

  2. Fica difícil entender estes intelectuais. Será que desfrutariam da mesma liberdade, existente aqui, em um País Comunista, onde até a cultura é censurada, como fizera o herói deles, conhecido como Choncho (Porco)?

Deixe uma resposta