Fachin pede a Cármen Lúcia para tirar um ministro, dois senadores e um deputado da Lava Jato

Edson Fachin, ministro relator da Operação Lava Jato em última instância, encaminhou para a presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia, os inquéritos contra o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, contra os senadores Paulo Rocha e Ricardo Ferraço e contra o deputado Celso Russomanno, para que ela promova a distribuição das apurações.

Fachin concluiu, após analisar o parecer da Procuradoria Geral da República, que os quatro, todos delatados por executivos da Odebrecht, não tem relação direta com a corrupção na Petrobras, e, portanto, as ações devem ser submetidas a sorteio para escolha de novos relatores.

Fonte: Época

Anúncios

Um comentário sobre “Fachin pede a Cármen Lúcia para tirar um ministro, dois senadores e um deputado da Lava Jato

  1. Todo veículo de mídia faz títulos chamativos né? “Tira fulanos da Lava Jato” faz com pensemos que eles não seriam mais processados criminalmente. Vocês não tem caráter mesmo.

Deixe uma resposta