Advogado de Joesley diz que prisão é “desnecessária”… Que surpresa!

O advogado criminalista Antônio Carlos de Almeida Castro, responsável pela defesa dos irmãos Batista, voltou a reafirmar a inocência dos executivos da J&F.  Ele até admite que os irmãos poderiam ter feito um anexo contando o episódio com o MPF, mas não o fizeram porque não havia irregularidade alguma.

“Se existisse qualquer hipótese de ‘insider trading’, eles certamente teriam incluído os fatos na delação para obterem a imunidade”, diz o criminalista.

Se o que Joesley fez não é razão suficiente para prendê-lo, o que mais seria?

Anúncios

Deixe uma resposta