Esgostosfera esquerdista lamenta encerramento de exposição pornô para crianças

Além dos blogs Brasil 247, Pragmatismo Político e Catraca Livre, já conhecidos da esgotosfera esquerdista, o choro ocorreu em sites de grande porte como UOL e Folha. Tudo isso porque o Santander resolveu encerrar a mostra Queermuseu, que promovia pedofilia e até zoofilia para o público infanto-juvenil.

Diversos “jornalistas” ligados a estes sites se debateram o dia inteiro reclamando da atitude de grupos de direita que se posicionaram contra a exposição. A choradeira logo ganhou destaque quando nos acusaram de nazismo, como se criticar um posicionamento criminoso como este fosse uma atitude totalitária, mas o fato de usar verba pública para impor uma agenda política não o fosse.

É claro que todo esse choro tem um motivo: a agenda cultural esquerdista foi ferida de morte.

Anúncios

6 comentários sobre “Esgostosfera esquerdista lamenta encerramento de exposição pornô para crianças

  1. Mas se fosse terrorismo islâmico esses mesmos ultraesquerdistas iam era ter orgasmos múltiplos com isso. Se fosse contra alá e maomé eles iriam ter orgasmos múltiplos se os terroristas islâmicos destruíssem tudo isso.

  2. É claro que a Esquerda irá reclamar. Cancelar uma exposição bizarra voltada a crianças os afastam do plano de desestruturar famílias para que sua influência nefasta pudesse facilmente desequilibrar mentes jovens e convertê-los em delinquentes e idiotas úteis de todos os tipos.

Deixe uma resposta