Apoiador de ditaduras, Brasil 247 diz que boicote ao Santander por mostra pornográfica e zoófila para crianças é “censura”

por Roger Scar

O blog petista Brasil 247, conhecido por apoiar ditadores como Nicolás Maduro e os irmãos Castro, disse que a pressão popular promovida pelo MBL, pelo Jornalivre e outros sites de direita contra a mostra pornográfica para crianças promovida pelo Santander é uma forma de “censura”.

No texto intitulado “Santander leva surra ao ceder a censura do MBL”, o site disse o seguinte:

A decisão do Santander de encerrar uma exposição em Porto Alegre em razão de protestos do MBL custou caro ao banco espanhol; acusado de ceder à censura promovida por grupos de extrema direita – e, para alguns, de índole fascista – o banco espanhol levou uma surra nas redes sociais.

E depois:

“O Santander cedeu à pressão do MBL, a mais obscurantista organização surgida no desde a TFP”, pontuou o escritor e jornalista Juremir Machado.

Acontece que isso não tem nada de censura. O banco Santander promoveu uma mostra que contém pornografia e até zoofilia voltada ao público infantil, o que por si só caracteriza crime segundo a Lei de Crimes Ambientais (9.605/98), que tipifica o crime e determina pena de detenção, de três meses a um ano, e multa a quem comete ato de zoofilia ou bestialidade (prática de atos libidinosos contra animais).

Além disso, nunca houve censura pelo simples fato de que a liberdade de expressão é uma via de mão dupla. Ainda que não tipificasse crime, a mostra não pode ter o privilégio de não sofrer críticas. Da mesma forma como seus defensores têm o direito de apoiá-la, seus críticos devem ter o direito de detratá-la. O contrário disso, aí sim, seria censura.

Contudo, a censura existe, e ela acontece justamente nas ditaduras esquerdistas defendidas pelos blogueiros do 247.

Anúncios

87 comentários sobre “Apoiador de ditaduras, Brasil 247 diz que boicote ao Santander por mostra pornográfica e zoófila para crianças é “censura”

  1. distinto bot da alt-right, discordar não é invadir, nem quebrar, nem mover uma ação violenta contra uma exposição. os cristãos agiram com preconceito, intolerância, ignorância e medo. isso não é discordar, isso é censurar.

    1. intolerância o cacete seu imbecil. queria ver se pegassem uma foto de uma filha sua e fizessem uma montagem sobre pedofilia e masturbação em cima dela, seu vagabundo.

      1. Bruno não se discute com esquerdista que eles dão coice. eu adorei o cancelamento, só falta agora a cadeia pra quem fez essa bosta chamada arte.

      2. Diana, obrigado pela atenção. Não é basicamente uma discussão e sim uma aula de como humilhar um esquerdo para salafrário e sem vergonha. Abraços.

      3. “distinto bot da alt-right, discordar não é invadir, nem quebrar, nem mover uma ação violenta contra uma exposição.”

        E onde houve invasão? E onde houve quebra? Não são o MST, CUT, Black B…., Quem é que diz “STALIN MATOU POUCO” ou “STALIN MATOU FOI POUCO”. Você é um pilantra seu canalha de extrema esquerda antidemocrática que cospe em direitos humanos e que toma partido de carrascos.

        “os cristãos agiram com preconceito, intolerância, ignorância e medo. isso não é discordar, isso é censurar.”

        Onde? Poxa. Nunca vi cristãos fazerem holodomor. Nunca vi cristãos fazerem grande salto para a frente.

        E desde quando Mises, Hayek, Rothbard, Friedman, Reagan, Thatcher, Sowell, entre outros falaram frases assim?

        “A lei, a moral, a religião são preconceitos burgueses, atrás dos quais se ocultam outros tantos interesses burgueses.” (Marx)
        “O comunismo, porém, abole as verdades eternas, abole a religião e a moral” (Marx)
        “A moral, é a impotência colocada em ação” (Marx)
        “Justo é o que favorece a Revolução e injusto é o que dificulta” (Lênin)
        “Subordinamos nossa ética à tarefa da luta de classes” (Lenin).
        “O melhor revolucionário é um jovem desprovido de toda moral” (Lênin)
        “Lênin ensinou, como se sabe, que, para atingir o objetivo almejado, os bolchevistas podem, e às vezes devem, usar qualquer estratagema, como o silêncio e a dissimulação da verdade…” (Lênin).
        “É necessário saber adaptar-se a tudo, a todos os sacrifícios e até, se necessário for, usar vários estratagemas, enganos, procedimentos ilegais, usar o silêncio, a dissimulação da verdade para penetrar nos sindicatos, permanecer neles, desenvolver neles a qualquer custo o embrião comunista.” (Lênin)
        “Invocar em nossos dias as “verdades eternas” da moral significa tentar fazer retroceder o pensamento.” (Trotsky)
        “Quem não quiser voltar a Moisés, Cristo ou Maomé, nem satisfazer-se com um ecletismo arlequinesco, deve reconhecer que a moral é um produto do desenvolvimento social; que ela não tem nada de imutável; que serve aos interesses da sociedade; que esses interesses são contraditórios; que, mais que qualquer outra forma ideológica, a moral tem um caráter de classes.” (Trotsky)
        “Não existem, então, preceitos morais elementares elaborados pelo desenvolvimento da humanidade e indispensáveis à vida de qualquer coletividade? Existem, sem dúvida, mas sua eficácia é muito incerta e limitada. As normas “obrigatórias para todos” são tanto menos eficazes quanto mais áspera se torna a luta de classes. A guerra civil, forma culminante da luta de classes, suprime violentamente todos os laços morais entre as classes adversas.” (Trostky)
        “As normas morais “obrigatórias para todos” adquirem, dentro da realidade, um conteúdo de classe, isto é, um conteúdo antagonístico. A norma moral é tanto mais categórica quanto menos é “obrigatória para todos”. A solidariedade dos operários, especialmente nas greves ou por detrás das barricadas, é infinitamente mais “categórica” que a solidariedade humana em geral.” (Trostsky)
        “O fim (a democracia ou o socialismo) justifica, em certas circunstâncias, meios como a violência e o homicídio.” (Trotsky)
        “Do ponto de vista das “verdades eternas” a revolução é, naturalmente, “imoral”. Mas isso significa apenas que a moral idealista é contra-revolucionária, isto é, encontra-se a serviço dos exploradores.” (Trotsky)
        “O juízo moral está condicionado, como o juízo político, pelas necessidades internas da luta.” (Trotsky )

      4. “quando o senhor se dispuser a dialogar a invés de repercurtir ódio reacionário, eu estou à disposição.”

        Tradução:

        “QUANDO VOCÊ SEU QUESTIONADOR QUE ME DESMASCAROU SE DISPUSER A SER SUBMISSO A MINHA SEITA RELIGIOSO POLÍTICA CHAMADA ULTRAESQUERDISMO MARXISTA EU PASSO A FALAR CONTIGO. “

    2. Betoquintas algo realmente foi quebrado? Se foi tem a fonte? Não estou te criticando, só quero saber pois não encontrei nada do tipo. Quanto à invadir e mover ação violenta, isso não ocorreu, menos né parceiro. Todos podiam adentrar no local, logo não há como dizer que houve invasão em um evento de entrada franca. Ademais, boicote não é ação violenta e faz parte da liberdade de expressão.

      1. lamento Carlos, mas quando um grupo coeso entra em uma exposição com nítido intento de agredir os visitantes, isso é violência. houve depredação em algumas obras e houve um linchamento virtual em rede social. quando um grupo age de forma organizada unicamente com o intento de proibir ou evitar que o público acesse a exposição, isso é censura.

      2. “lamento Carlos, mas quando um grupo coeso entra em uma exposição com nítido intento de agredir os visitantes, isso é violência. houve depredação em algumas obras e houve um linchamento virtual em rede social. quando um grupo age de forma organizada unicamente com o intento de proibir ou evitar que o público acesse a exposição, isso é censura.”

        Aquilo feito na revista veja e o que é feito na Venezuela e em Cuba é apoiado por vocês?

        Não apoio pichação ou invasão ou depedração. E a matéria que colocaste nada falou de depredação. Violência? O que os seguranças do Wellington Dias fizeram no Piauí? O que fizeram com um aluno da UFC por usar uma camisa de bolsonaro? O que fizeram com Santiago Andrade?

      3. “A reação contrária à mostra também se tornou física. Frequentadores do Santander Cultural relataram nas redes sociais que, no sábado, foram alvo de agressões verbais dirigidas por pessoas que faziam registros em vídeo da exposição e criticavam o seu conteúdo. Pelo menos uma agência do Santander nas imediações do prédio que abrigava a exposição, na Praça da Alfândega, foi pichada com frases como “Banco Santander apoia a pedofilia” e “são anticristãos (sic)”. ”

        Cadê depredação? Mostra onde na matéria que fala em depredação? E quem me garante que não é mais outra das operações de falsa bandeira?

        http://www.guerrapolitica.me/2016/06/e-mais-uma-fanfic-de-esquerda-foi-longe.html

      4. Que fique claro que não concordo com o que o Bruno fez. Mas já que o betoquintas acusou uma suposta depredação sem alegar onde teve. Onde fala em depredação na matéria?

  2. Eu gostaria de poder ver e ouvir dos defensores da exposição, uma análise detalhada e pormenorizada das cenas retratadas em cada uma das obras. Comentem! Vocês darão depoimentos a favor de pedofilia, zoofilia e ataque a religiões?

  3. queria ver se na mente doentia desse beto se ele defenderia uma exposição mostrando mulheres tendo sua genitália ferida ou sofrendo abuso sexual, ou desenhos de maomé trepando com uma garotinha ou a filha desse verme sendo molestada pelo professor da sua escola, o que esse infeliz ia dizer? e mesmo se o dinheiro investido nessa porcaria fosse do próprio banco, também caberia uma nota de repúdio e processo previsto pelo código civil. banco imundo dos infernos, e esses liberalzinhos de merda que defendem essa atrocidade.

    1. Bruno, você parece confuso, senão ignorante. Mas falando em mãe, a sua sabe que você está escrevendo essas idiotices típicas de imbecis de quinze anos? não pega muito bem você ainda estar no primário com 21 anos, sabia?

      1. Escrevo o que me der na telha, e foda-se o que vossa excrescência pensa ao meu respeito. E digo mais, na sua cabeca fecal, deve ser normal querer debater se menininhos ou menininhas devem comer o cu do outro, se um animal deve ser fodido, se na sua vida particular você deve ser passivo de outros machos. um enorme abraço e vá a puta que te pariu.

    1. Bruno, como bom cristão, você acredita em Jesus, Maria e José? Como você lida com o fato que José era um quarentão e Maria tinha [no máximo] 12 anos e engravidou de um Fantasma Divino, fazendo José de Santo Corno?

      1. “Como você lida com o fato que José era um quarentão e Maria tinha [no máximo] 12 anos e engravidou de um Fantasma Divino, fazendo José de Santo Corno?”

        Cadê as provas de que maria tinha no máximo 12 anos? Pichação? Pichação é errado. Ora, vocês da extrema esquerda tem pós doutorado no assunto violência, sangue e ódio. A e vão processar por terem pichado. Eu sou contra pichação. MAs quem é que fez aquilo na sala do Professor Rodrigo Jungmann na UFPE? E o vandalismo na Sala de Rodrigo Jungmann na UFPE e com as palavras “STALIN MATOU POUCO”.

    1. ainda foi pouco. canalhas como você defendem toda essa porcaria de agenda progessista: aborto ,casamento gay pedofilia, zoofilia, deveriam nem sair de casa, seu verme vagabundo.

    1. Sendo bem honesto o que o MBL foi belo e moral.Ninguem e obrigado a patrocinar uma organização que não concorde com seus princípios(o famoso boicote).
      Segundo,”ataque em redes sociais” tal afirmação e completamente contraria a liberdade de expressão. Nao existe algo como “defendo a liberdade de expressão,mas…” (Porem deixo um disclaimer,dizer que “gay devem morrer” nao e um crime,agora matar um gay é).
      Terceiro o fulano ai de cima foi um idiota por falar que as pichações são justificáveis,e claro que algo que atente contra a propriedade privada e um crime(Agressão).
      Levando em conta que tal exposição foi financiada por lei rouanet(Dinheiro Publico) e logico que as pessoas que nao concordem com isso vao ficar indignadas.
      Porem,se deseja que a exposição aconteça,monte um financiamento coletivo.Pague para que suas ideias sejam espalhadas pelo mundo.

    1. Se acostume com isso, seu pilantra salafrário, porque você vai receber respostas ainda piores. E o nivel de vermes como você é abaixo de qualquer classificação aceitável.

      1. é religião sim, pois acreditam nela como se fosse verdade absoluta, e eu mostrei marx distorcendo um discurso. O que mostra que o marxismo não passa de religião. Eles creem nisso como se fosse religião. E não adianta vire com desculpinhas de “teoria do capital”. Se for assim, então não existe “capitalismo”, os próprios marxistas se chamam de marxistas.

    2. Se acreditas tanto no marxismo, então por que não vai se juntar aso seus amigos marxistas para fazerem fazendas coletivas e condomínios coletivos só para marxistas que terão igualdade? Assim não precisarão impor a crença a quem não crê nela.

      1. está saindo do assunto, David. “marxismo” é um termo cunhado [erroneamente] pelos críticos da Teoria do Capital. como o nome diz, é uma teoria, não uma religião.

      2. Não estou saindo do assunto, e vê se escreve o meu nome sem o d no final seu desgraçado. Estou te fazendo um desafio. E quando você falava de José e maria então você não saía do assunto?

      3. Como disse o João Veloso.

        “Porem,se deseja que a exposição aconteça,monte um financiamento coletivo.Pague para que suas ideias sejam espalhadas pelo mundo.”

        Montem vocês mesmos um financiamento coletivo. Não tente transformar opositores em cidadãos de segunda classe.

      4. Nome não diz nada, a prática sim. Significa que a Coreia do Norte é democrática só por que tem democrático no nome? É religião sim.

        é religião sim, pois acreditam nela como se fosse verdade absoluta, e eu mostrei marx distorcendo um discurso. O que mostra que o marxismo não passa de religião. Eles creem nisso como se fosse religião. E não adianta vire com desculpinhas de “teoria do capital”. Se for assim, então não existe “capitalismo”, os próprios marxistas se chamam de marxistas.

      5. Uma coisa com um sistema de crenças não comprovado cientificamente, e no caso do marxismo com evidências em contrário. O Marxismo despreza a natureza humana, essa é uma evidência clara de que é religião. Outra é incitar falsas guerras de classes.

        O fato é que muitos empregados querem continuar sendo empregados. Muitos deles não querem largar seu emprego, com salário fixo, e abrir um negócio que é sujeito a tiscos. Conclui se que uma grande diferença entre um empresário e um assalariado é que o primeiro vive pelos riscos, o segundo foge deles. Então, não há portanto uma “classe contra outra”, mas uma relação onde muitas vezes um empregador dá um emprego a alguém que quer apenas um emprego e não empresa.

        No reino animal existem os machos alfa, os machos beta e os machos gama. Os machos alfa chegam ao poder em suas sociedades por que possuem mais coragem e força física que os outros. Isso lhes dá privilégio inclusive para escolher as fêmeas.

        Na sociedade dos animais irracionais, os animais são qualificados perante os outros (e conquistam mais ou menos em comparação com os demais) por sua coragem e força. Na sociedade humana, os animais humanos são qualificados e conquistam seu espaço por causa de vários itens como: inteligência, coragem, assertividade, proatividade, postura, apetite por riscos, presença física, etc.

        Significa apenas que existam uns mais inteligentes que outros, mas também mais corajosos, tolerantes a riscos, proativos, etc. A existência de poderosos, assim como pessoas sem poder algum, é uma consequência da diversidade humana, que não passa de uma consequência da diversidade animal.

        Isso por si só detona o marxismo.

      1. Mínion? Até agora não me respondeste sobre incentivarem pichações ao beco do batman, e o tal do dimenstein incentivou isso. Não me respondeu se condenas

        Nada de falácia ad hominem, seu chorão. Não me respondeu sobre o que perguntei abaixo? Será que é por que apoia isso?

        Você condena o vandalismo terrorista da extrema esquerda aqui e agora? Condenas todos esses discurso de ódio aqui e agora? Mauro Iasi disse na UFRJ que fuzilaria opositores, Vagner Freitas disse que pegaria em armas contra o povo brasileiro, Isa Penna do PSOL disse que sonha com um mundo em que não exista mais oposição e você betoquintas é contra ou a favor disso?

        Você condena quem jogou ovos no João Doria em Salvador aqui e agora? Condenas quem agrediu a Priscilla Chammas em Salvador aqui e agora? Condenas quem jogou ovos em Bolsonaro aqui e agora?

        Se está enrolando para não responder, então é por que apoia tudo isso, não é? Caso encerrado.

      2. betoquintas, não me respondeste sobre a analista Sinara Polycarpo. Então você apoia o abuso de poder do governo petista?

      3. Betoquintas, se fosse contra Maomé, ou contra algum orixá, ou contra religiões afro, ou contra umbandistas; apoiariam e fariam era ataques terroristas com vandalismo tipo aquele na revista veja. Por isso, não venha agir como hitler ao tentar transformar algumas pessoas que você odeie em cidadãos de segunda classe.

  4. Interessante, o infeliz relativiza pedofilia e zoofilia, e fica incomodado com os palavrões. Vai ser cínico na casa do caralho. Enfia um pedaço de pau no meio do seu cu.

  5. David, se quer ser melhor do que o Bruno, siga estas dicas: não use caixa alta. Ao comentar ou criticar um comentário, atenha- se ao assunto. Não fique apenas repercutindo opiniões de terceiros. Não fique na preguiça e desonestidade intelectual, citando texto fora de contexto. De preferência, leia o livro inteiro de onde veio tal citação.

    1. desonestidade intelectual é uma vagabundo desalmado como você querer defender toda essa maldita agenda que visa destruir a ordem moral, as famílias e a integridade das crianças.não pense que com essas repostas empoladas e afrescalhadas você vai passar impune e enganar alguém aqui.

    2. “David, se quer ser melhor do que o Bruno, siga estas dicas: não use caixa alta.”

      Tirou meu texto de contexto seu canalha? o de caixa alta traduzia o que você realmente disse seu canalha.

      “Ao comentar ou criticar um comentário, atenha- se ao assunto.”

      Tradução:

      “SOCORRO! FUI EXPOSTO, ESTOU CHORANDO BUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ! ESTOU COM VONTADE DE CENSURAR ELE”

      Refuta o meu comentário seu mentiroso. Prove aonde que teve depredação. Teve a cara de pau de ser desonesto.

      “Não fique apenas repercutindo opiniões de terceiros.”

      mimimimimimimimimimimimimimimimimi

      “Não fique na preguiça e desonestidade intelectual”

      Então mostra onde e refute seu mentiroso.

      “citando texto fora de contexto. ”

      Fora de contexto? Oras Agora tem contexto? Mas você não vivia acusando o Bruno de ódio?

      “De preferência, leia o livro inteiro de onde veio tal citação.”

      mimimimimimimimimimi. Estás tentando negar que os ideólogos ultraesquerdistas que defendes incentivam a mentir? Mas na hora de fazer isso abaixo.

      “Como você lida com o fato que José era um quarentão e Maria tinha [no máximo] 12 anos e engravidou de um Fantasma Divino, fazendo José de Santo Corno?”

      Está se contradizendo?

      1. Betoquintas, não adianta, você foi refutado. Até agora não me respondeu sobre o vandalismo terrorista de extrema esquerda que mostrei.

      2. O texto de caixa alta traduzia o que você muito provavelmente quis dizer. Mas não pode por que senão todos veriam quem és. Nada de falácia ad hominem por aqui.

      3. Oquei, David, releia os seus comentários. ali mesmo verá o uso de caixa alta. qual o assunto? a exposição. houve pressão? houve, com violência. quanto ao Bruno, eu posso dizer que a falta de diálogo iniciada pelo mesmo permitiu-me adentrar em um assunto correlato, afinal a acusação contra a exposição é de “apologia à pedofilia” e isso me forneceu um contexto para provocar o Bruno, na esperança que isso o fizesse pensar um pouco. David, pichação é depredação, sabia? David, leia os comentários do Bruno. até você não concordou com os termos utilizados por ele. Você citou várias frases de diversos autores, David. só por desencargo de consciência: você leu os livros, na íntegra? David, você conhece algo sobre teoria econômica, política ou social? Índices econômicos não são confiáveis para analisar a realidade social, porque lidam com valores quantitativos, não com questões qualitativas.

      4. Jesus era primogênito. Logo José já não era casado com Maria antes. Ou seja, a fonte parece ser falha. a única fonte aí que fala isso é o Chamado Evangelho de Tiago, aliás, alguns dizem que Tiago sequer escreveu isso.

        http://www.apologistascatolicos.com.br/index.php/patristica/estudos-patristicos/908-o-protoevangelho-de-tiago-e-heretico-sao-jose-permaneceu-virgem-ou-foi-viuvo

        Não se sabe se isso é verdade mesmo. Existem fontes que falam 14 anos. Não confunda contrato de casamento que ocorrerá depois com casamento.

      5. Ele reclamou de uma suposta retirada de contexto que fiz. Mas ele mesmo retirou de contexto. é aquela velha estratégia “acuse os do que sou”. E não estou falando do Bruno, estou falando de você que defendeu essa pouca vergonha chamada pedofilia que é sim uma parafilia. Pedofilia é doença mental. E você mostrou que defende isso. Que tal falar de Aisha que se casou com Maomé aos seis anos e fez sexo com ele aos nove?

      6. Eu li isso no “moral e revolução” de trotski. Os comentários entre parênteses são meus.

        “O moralista ainda insiste: Isto significa então ave, na luta de classes contra o capitalismo, são permissíveis todos os meios? A mentira, a falsificação, a traição, o assassínio, etc?

        “Respondemos: são admissíveis e obrigatórios apenas os meios que aumentam a coesão do proletariado ”

        (mesmo que seja difamação, calúnia e mentiras contra o oponente),

        “inflamam sua consciência com um ódio inextinguível para com toda forma de opressão”

        (leia se: praticar genocídios e fuzilar),

        ” ensinam-lhe a desprezar a moral oficial e seus arautos democráticas ”

        (leia se: leia se mentir e ser desonesto se necessário),

        “dão-lhe plena consciência de sua missão histórica”

        (leia se: submissão a religião política marxista) ”

        e aumentam sua coragem e sua abnegação.”

        (leia se: aumentam a sua crença ao líder)

        “Donde se conclui, afinal, que nem todos os meios são válidos.”

        (leia se: apenas o que desmascararia essa farsa chamada marxismo, e que seria uma ameaça aos privilégios dos tiranos ditadores marxistas que vivem como nababos)

      7. Li isso abaixo no manifesto comunista. E farei meus comentários.

        “Já vimos acima que o primeiro passo na revolução operária”

        Leia se: uma meia dúzia que alega representar todos os operários tomando o poder por meio de golpe e instalando uma ditadura em que uma minoria vive como nababo, ao passo que o povo vive na miséria Veja a Venezuela, Cuba, China de Mao, antiga União Soviética, Leste Europeu, Camboja, Coreia do Norte, Vietnã, enfim.

        “é a elevação do proletariado à condição de classe dominante”

        Leia se: A meia dúzia de gente não eleita que alega representar proletariado governando de forma carrasca. Vide a Venezuela, Cuba, China de Mao, antiga União Soviética, Leste Europeu, Camboja Coreia do Norte, Vietnã, enfim.

        , “a conquista da democracia.”

        Que democracia é essa que se a pessoa for pega com um george orwell na rua é capaz de a pessoa ser presa e se chama Cuba? Que democracia é a da Coreia do Norte que proíbe livre expressão? Que democracia é a da China? Que democracia é a do Pol Pot que matou um quarto do próprio povo? Que democracia era aquela de stalin que chegou a ponto de matar até mesmo trótsky?

        “O proletariado (Leia se: o partido de meia dúzia de gente que alega representar todo o proletariado) utilizará o seu domínio político para subtrair pouco a pouco à burguesia todo o capital (leia se coerção estatal), para centralizar todos os instrumentos de produção nas mãos do Estado (leia se dos donos do estado e amigos do rei e para o partidão), isto é, do proletariado organizado como classe dominante(leia se o partido sendo tirano com o povo) , e para multiplicar o mais rapidamente possível a massa das forças produtivas.( ( o que não ocorreu nos regimes em que aconteceu isso)”

        “De início, isto naturalmente só pode acontecer por meio de intervenções despóticas no direito de propriedade e nas relações de produção burguesas, portanto através de medidas que economicamente parecem insuficientes e insustentáveis, mas que no curso do movimento transcendem o seu próprio âmbito e serão inevitáveis como meios para o revolucionamento do modo de produção em seu conjunto.”

        O trecho acima não precisa nem de comentários.

      8. “1. Expropriação da propriedade fundiária e emprego da renda fundiária para despesas estatais.”

        2. Pesado imposto progressivo.”

        Onde vi isso? A sim, na URSS, no Camboja do pol pot, e na China de mao tse tung. E o resultado é genocídios.

        “3. Abolição do direito de herança.”

        Agora a pessoa não pode mais dar a herança para quem ama? Tem que dar para uma meia dúzia de carrascos e tiranos que nunca produziram riqueza?

        “4. Confisco da propriedade de todos os emigrantes e insurrecionados.”

        E você apoia isso não é?

        “5. Centralização do crédito nas mãos do Estado através de um banco nacional com capital estatal e monopólio exclusivo.”

        Então você quer que os carrascos ditadores carniceiros usurpem o dinheiro do povo? Pois é isso que o 5 quer.

        “As acusações contra o comunismo levantadas de pontos de vista religiosos, filosóficos e ideológicos em geral, não merecem discussão mais minuciosa.”

        Leia se: é proibido questionar a crença marxista.

        “Será necessária uma percepção profunda para entender que, com as relações de vida dos homens, com os seus relacionamentos sociais, com a sua existência social, também se modificam as suas representações, as suas concepções e os seus conceitos, em uma palavra, também a sua consciência?”

        mimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimi é só embromação para que não responder as refutações ao marxismo.

        “Que outra coisa prova a história das idéias senão que a produção intelectual se reconfigura com a produção material? As idéias dominantes de uma época foram sempre tão-somente as idéias da classe dominante.”

        mais ad hominem. E outra embromação daquelas para não responder as refutações.

      9. Um estudo da ONU sobre Cuba, de 1958. “Cuba possui uma enorme vantagem em sua integração nacional — em comparação aos outros países da América Latina — por causa de sua enorme e homogênea base de imigrantes espanhóis brancos. A pequena população negra de Cuba também é culturalmente integrada. Aqueles modos de produção feudal que existem no resto da América Latina não existem em Cuba. O camponês cubano não se parece com o camponês do resto da América Latina, que está preso à terra, é tradicionalista e se opõe às inovações que o levariam a uma economia de mercado. O camponês cubano, em todos os aspectos, é um homem moderno. Ele possui um nível educacional e uma familiaridade com métodos modernos que não é vista no resto da América Latina”

        Foram médicos cubanos que realizaram a primeira anestesia com éter em terras latino-americanas em 1847, e identificaram o agente transmissor da febre amarela em 1881 e inauguraram a pioneira máquina de raio-X da América Latina em 1907.

        O economista tcheco Radoslav Selucky visitou Cuba e sabe o que ele disse? “Pensávamos que Cuba fosse um país subdesenvolvido que tivesse apenas algumas refinarias de açúcar!”, escreveu quando voltou a Praga. “Mas não! Quase 25% da força de trabalho de Cuba estava empregada na indústria, onde os salários eram iguais aos salários pagos nos EUA!”

        Cuba tinha o oitavo maior salário do mundo.

        Na década de 50, os estivadores cubanos ganhavam mais por hora do que seus equivalentes em Nova Orleans e em São Francisco. Cuba já havia estabelecido a jornada de 8 horas diárias em 1933

        Cuba era o país que mais gastava com educação pública em toda a América Latina, eram 23% do orçamento.

        E antes dos Castro tinha mais americano em Cuba que Cubano nos EUA.

        E a maior quantidade de calorias ingeridas por habitante na America latina era em Cuba com quase 3000.

        Cuba tinha uma renda per capita maior do que metade dos países da Europa, a menor taxa de inflação do Ocidente, uma classe média maior que a da Suíça, um enorme fluxo de imigrantes e cujos trabalhadores desfrutavam a oitava maior taxa salarial do mundo.

        Relatório da UNESCO, sobre Cuba, em 1957: “Uma característica da estrutura social de Cuba é sua grande classe média”, começa o relatório. “Os trabalhadores cubanos são mais sindicalizados (proporcionalmente à sua população) do que os trabalhadores americanos. O salário médio para uma jornada de 8 horas diárias em Cuba em 1957 é maior do que para os trabalhadores da Bélgica, Dinamarca, França e Alemanha. A mão-de-obra cubana recebe 66,6% da renda interna bruta. Nos EUA, esse valor é de 70% e na Suíça, 64%. 44% dos cubanos são atendidos pela legislação social, uma porcentagem maior que a dos EUA.”

        Em 1958, Cuba tinha uma renda per capita maior que a da Áustria e do Japão.

      10. O fato é que países com mais liberdade econômica vivem melhor.

        Lembra da Sinara Polycarpo? Os mesmos que alegam “censura” e são contra o fim disso são os mesmos que sentem múltiplos orgasmos e aplaudem com todas as forças e energias o abuso de poder do governo petista que culminou na demissão da analista do santander Sinara Polycarpo. E o motivo para essa demissão foi uma simples carta mostrando o óbvio.

      11. Não preciso chamar alguém de viado. Se a exposição fosse escarnecendo de marx ou qualquer pessoa protegida pela extrema esquerda, vocês apedrejariam a agência do santander isso é se não matassem pessoas como fizeram com Santiago Andrade, esse sim foi vítima. E os assassinos de Santiago Andrade são defendidos por esses que você apoia beto.

      12. Quer ver coisa que realmente é quebradora de tabus? “Calígula”. Esse sim. Silvio Santos já promovia travestis nos anos 80. Nelson Rodrigues sim tem dignidade. Eu prefiro o Nelson Rodrigues do que isso.

      13. depredação
        substantivo feminino
        1.
        ação de natureza destrutiva; aniquilação, devastação.
        2.
        privação ilegal de bens alheios; roubo, furto.

        Significado de Depredação
        substantivo feminino
        Ação ou efeito de depredar.
        Ato de teor destrutivo; dano causado à propriedade alheia; devastação.
        Supressão, contrária à lei, de propriedades, bens materiais etc; roubo, furto: a depredação dos bens públicos.

        depredação

        1. Roubo, saque.
        2. Grande estrago.
        3. Malversação.

        depredar

        1. Fazer depredações.
        2. Devastar.
        3. Espoliar.
        4. Assolar, talar.

        E o que é pichar?

        escrever, rabiscar (dizeres de qualquer espécie) em muros, paredes, fachadas de edifícios etc.

        Como se pode ver, os significados são diferentes, logo não aconteceu depredação.

        Então a grande mídia incentiva depredação ao apoiar discursos de ódio? Então o UOL e outros apoiou a depredação contra o dono do muro do beco do batman?

      14. Não adianta negar, beto. Você condena o vandalismo terrorista da extrema esquerda aqui e agora? Condenas todos esses discurso de ódio aqui e agora? Mauro Iasi disse na UFRJ que fuzilaria opositores, Vagner Freitas disse que pegaria em armas contra o povo brasileiro, Isa Penna do PSOL disse que sonha com um mundo em que não exista mais oposição e você betoquintas é contra ou a favor disso?

      15. Repete uma mentira seu mentiroso. Só tem uma partezinha do comentário de caixa alta. E a parte de caixa alta está entre áspas seu canalha mentiroso desonesto.

      16. “De início, isto naturalmente só pode acontecer por meio de intervenções despóticas no direito de propriedade e nas relações de produção burguesas”

        incentivo a violência? E vem falar mal de pichaçõeszinhas? Aliás, quem me garante que essas pichações não são falseflag? Quem me garante que não foram vocês mesmos que picharam para botar a culpa nos outros?

      17. Li no livro Moral e revolução.

        “O moralista ainda insiste: Isto significa então ave, na luta de classes contra o capitalismo, são permissíveis todos os meios? A mentira, a falsificação, a traição, o assassínio, etc?

        Respondemos: são admissíveis e obrigatórios apenas os meios que aumentam a coesão do proletariado”

        Mesmo que para isso se precise mentir e ser desonesto?

        , “inflamam sua consciência com um ódio inextinguível para com toda forma de opressão,”

        Ódio? Qual opressão? Ele não da nome aos bois.

        “ensinam-lhe a desprezar a moral oficial e seus arautos democráticas,”

        Leia se: ser inimigo do povo e do bom senso pois eles sabem que sendo honestos não teriam força e seriam apenas uma seita pequena.

        “dão-lhe plena consciência de sua missão histórica e aumentam sua coragem e sua abnegação.”

        Leia se: ser submisso e fanático a tal ponto que nunca possa se questionar isso.

        “Donde se conclui, afinal, que nem todos os meios são válidos.”

        Leia se: nada que for empecilho a agenda marxista.

    3. Marx era um verdadeiro embusteiro, vigarista e charlatão adulterou discursos como esse abaixo e você tem a cara de pau de acusar os outros de ódio? Não sou o deus marx do betoquintas para tirar textos de contexto. Se eu tivesse praticado desonestidade, você betoquintas me elogiaria demais. Se eu tivesse tirado texto de contexto, você faria era me elogiar.

      “Em dez anos a partir de 1842 a 1852, inclusive, o rendimento tributável do país, da forma como podemos calculá-lo, aumentou 6 por cento, mas em oito anos, a partir de 1853 a 1861, o rendimento do país voltou a aumentar a partir da base tomada por 20 por cento.
      Isso é um fato muito singular e marcante e que nos parece incrível.”
      ……
      Esse, Excelentíssimo Senhor, é o estado do progresso no que diz respeito à evolução geral de acumulação, mas, por um, devo dizer que eu deveria olhar com algum grau de dor, e com muita apreensão, sobre este extraordinário e quase intoxicante crescimento, se isto fosse a minha convicção de que se limita à classe de pessoas que podem ser descritos como em circunstâncias favoráveis.
      Os números que citei dão pouco ou nenhum conhecimento da condição de quem não paga imposto de renda, ou, em outras palavras, suficientemente informação para a taxa geral verdadeira, eles não dão informação suficiente das condições da população trabalhadora, ou do aumento de seus rendimentos.
      Indiretamente, na verdade, o simples aumento do capital é da maior vantagem para a classe trabalhadora, pois esse aumento torna mais barato o preço da mercadoria que, em todo o negócio de produção entrar em concorrência direta com o trabalho.
      Mas, além disso, temos um maior benefício mais direto, que pode ser afirmado com segurança, foram atribuídas à massa da população do país.
      É motivo de profunda e incalculável consolo para refletir, enquanto os ricos têm ficado mais ricos, os pobres se tornaram menos pobres.
      Eu presumo que não irão determinar se o intervalo de largura que separa os extremos de riqueza e de pobreza é mais ou menos ampla do que tem sido, em tempos antigos.
      Mas se olharmos para a condição média do operário britânico, quer camponesa, ou mineiro, ou operatório, ou artesão, constatamos a partir de variadas e incontestáveis provas de que, durante os últimos vinte anos tem acontecido uma melhoria ao seu meio de subsistência e como podemos verificar isto nunca existiu na história de qualquer país em qualquer época, e isto, Senhor, é o resultado das causas que descrevi, sobre a qual é impossível olhar sem animados sentimentos de satisfação.”

      E a adulteração feita por marx:

      “Deslumbrados com o “progresso da Nação” as estatísticas dançam diante de seus olhos, o Chanceler do Tesouro exclama em selvagem êxtase:”

      “De 1842 a 1852, o rendimento tributável do país aumentou 6 por cento, nos oito anos de 1853 a 1861, tem aumentado em relação ao ano base tomada em 1853, 20 por cento!
      O fato é tão espantoso que é quase inacreditável! …
      Este inebriante aumento da riqueza e poder,”,
      acrescenta o Sr. Gladstone,
      “está inteiramente confinado às classes de propriedade.”

Deixe uma resposta