Quadrilha de Lula terá de pagar no mínimo 300 milhões em danos morais e materiais

O procurador geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao STF que os acusados do “quadrilhão” de Lula, organização criminosa liderada pelo petista dentro da Petrobras, sejam condenados ao pagamento de, no mínimo, R$300 milhões para reparação de danos morais e materiais.

As informações são do site O Antagonista.

Anúncios

Deixe uma resposta