PGR diz que quadrilha chefiada por Lula recebeu mais de R$ 1,4 bilhão em propina da Petrobras.

A denúncia da PGR que oede investigação dos integrantes da quadrilha liderada por Lula na Petrobras, sendo os outros quadrilheiros a ex presidente Dilma, a atual presidente do PT Gleisi Hoffmann, dos ex ministros Antonio Palocci Filho, Guido Mantega, Edinho Silva e Paulo Bernardo e o ex tesoureiro do PT João Vaccari Neto, aponta que o esquema desenvolvido na estatal lucrou mais de R$1,4 bilhão em propina.

A imagem do trecho da denúncia oferecida pela PRG ao Supremo Tribunal Federal foi divulgada no Twitter oficial do repórter do SBT em Brasília Daniel Adjuto.

805bf320-999c-47bb-ad72-3b685f76d804.jpg

Anúncios

Deixe uma resposta