Janot diz que novos áudios da JBS comprometem ministro do STF. Delação pode ser anulada. 

Em coletivo de imprensa convocada às pressas pela PGR, Procuradora Geral da República, nesta segunda-feira, 4, foi anunciado que as delações da JBS poderão ser anuladas.

Rodrigo Janot afirmou que os delatores teriam entregue um áudio com gravação de quatro horas onde são mencionados um ministro do STF, um parlamentar e um procurador do Ministério Público Federal.

O procurador mencionado é Marcelo Miller, que atuou na operação Lava Jato até o acordo de colaboração ser feito com os empresários da JBS e o MPF. Os outros nomes não foram revelados.

Mesmo que o acordo seja anulado, as provas obtidas não serão: “Todas as provas continuam hígidas e válidas”, ressaltou Janot.

 

Anúncios

Deixe uma resposta