Como o maior bilionário do Brasil quer impor ideologia de gênero aos seus filhos

Primeiramente, vejamos o que diz o “Quem Somos” da Associação Nova Escola:

 A Associação Nova Escola é uma organização sem fins lucrativos. Nossa missão é transformar a Educação brasileira por meio de conteúdos e serviços de alta qualidade para professores e gestores do Brasil. A associação foi criada em 2015 com o apoio de sua mantenedora, a Fundação Lemann. Desde então, publica as revistas e sites NOVA ESCOLA e GESTÃO ESCOLAR, as maiores e mais tradicionais publicações para educadores do país. Até o nascimento da Associação, NOVA ESCOLA e GESTÃO ESCOLAR eram publicadas pela Fundação Victor Civita (FVC), onde se desenvolveram durante 30 anos e conquistaram milhares de leitores e leitoras.

Primeiro vamos falar da Fundação Victor Civita, ligada ao empresário e jornalista Victor Civita que, não por acaso, foi o fundador da Editora Abril, a segunda maior editora do país. A Abril é responsável por diversas revistas de grande circulação no país, incluindo a Veja.

Já a Fundação Lemann é do empresário Jorge Paulo Lemann, o mais rico do país. Ela é quem mantém a Associação Nova Escola, conforme o site da própria entidade.

Mas o que isso tem a ver com Ideologia de Gênero?

Tem tudo a ver.

A Associação Nova Escola promove esta pauta, como se pode ver em artigo publicado ainda em 2015, ano de fundação da entidade. O artigo escrito por Wellinton Soares, intitulado “Educação sexual: precisamos falar sobre Romeo“, mostra o caso do menino britânico de 5 anos chamado Romeo Clarke, que ficou conhecido ainda em 2014 em virtude das notícias que relatavam como o garoto gostava de se vestir feito menina. Seguem abaixo alguns trechos da matéria:

O pequeno Romeo Clarke tem 5 anos e adora usar seus mais de 100 vestidos para as atividades do dia a dia. “Eles são fofos, bonitos e têm muito brilho”, explicou ao tabloide britânico Daily Mirror. Clarke virou notícia em maio do ano passado. O projeto de contraturno que ele frequentava na cidade de Rugby, no Reino Unido, considerou as roupas impróprias. O menino ficou afastado até que decidisse – palavras da instituição – “se vestir de acordo com seu gênero”. 

Depois, o texto diz:

O caso de Clarke não é único. Situações em que crianças e jovens que descumprem as regras socialmente aceitas sobre ser homem ou mulher – seja de forma intencional ou por não dominá-las – fazem parte da rotina escolar. 

O artigo segue falando sobre o assunto, dando exemplos, e depois chega aonde realmente quer chegar…

Você deve estar se perguntando onde a escola entra nessa discussão. Para que ela respeite a diversidade, as formações de professores precisam abordar o assunto. É o melhor caminho para disseminar o que as pesquisas já descobriram sobre a construção dos gêneros.

O caso, aqui, é que tudo isso está pautado em uma mentira ideológica. A tal “teoria de gênero” não tem fundamentos científicos, é uma tese que alguns cientistas alinhados ideologicamente defendem porque suas pesquisas são sustentadas por políticas públicas, mas está longe de ser um conceito aceito pela comunidade científica.

Ainda assim, o maior problema é que existem essas tentativas sutis de impor a pauta nas escolas. O objetivo é não apenas que professores “respeitem as diferenças”, mas que eles ensinem isso (a ideologia de gênero) em sala de aula, que eles passem esse conceito para seus alunos.

Tudo fica mais claro quando o artigo se queixa da resistência contra algumas das tentativas de imposição do tema, como ocorreu com o Kit Gay. Veja:

O caso mais notório aconteceu em 2011. Como parte do programa Brasil sem Homofobia, especialistas produziram para o governo federal cadernos com conteúdo pedagógico que colocavam o tema em discussão. A intenção era que o material fosse distribuído a escolas de todo o país. Antes da impressão, entretanto, congressistas ligados a entidades religiosas se opuseram ao projeto. Apelidado de “kit gay”, o conteúdo foi acusado de estimular “a promiscuidade e o homossexualismo” – termo em desuso por remeter a doença (hoje, fala-se em homossexualidade).

Besteira!

O Kit Gay era um material a ser distribuído para crianças em idade escolar e ele realmente tinha o intuito de estimular tendências sexuais. Não se tratava de material educativo, uma vez que ia muito além de apenas ensinar que tais diferenças de fato existem. O material tratava do assunto como se fosse não apenas comum, mas desejável que meninos – crianças mesmo, não homens adultos – se beijassem. O assunto era tratado como algo extremamente positivo e nem mesmo mencionava que em alguns casos há, de fato, distúrbios envolvidos.

Perceba que a questão não era ensinar às crianças o respeito às diferenças, mas incentivá-las a serem diferentes do que são. Por isso houve resistência e por isso gerou polêmica. O Kit Gay era, de fato, uma abominação colocada em pauta por grupos de interesse.

Tudo isso, hoje, é financiado pelo maior bilionário do país. É por isso que não há exagero algum em dizer que existem pessoas poderosas tentando impor a ideologia de gênero nas escolas. Está bastante claro que gente muito influente age por trás das cortinas nessa direção.

Anúncios

42 comentários sobre “Como o maior bilionário do Brasil quer impor ideologia de gênero aos seus filhos

  1. Prezados, sei que no mundo contemporâneo é complicado a leitura de artigos mas existem algumas inverdades no texto. “Ideologia de gênero” não existe, o que existe é igualdade de gênero, seja homem ou mulher, todos devem ter a mesma oportunidade. Scott, Auad, Altmann e louro são apenas alguns autores que discutem o gênero como sendo uma construção histórica. Ah, e essa construção histórica afeta DIRETAMENTE o desenvolvimento motor de meninas. Investiguem mais antes de publicar uma matéria dessas

    1. Alysson, ha neurocientistas que afirmam que existem diferenças de gostos ate mesmo de escolhas definidas pelo sexo e nao pela sociedade. Ha o caso de chimpazes de sexo masculino preferirem o mesmo brinquedo, diferentes das femeas, sem nenhuma imposição. Ha pesquisas na Finlandia, país esse que financia projeto de igualdade de genero a 40 anos, que mostraram que hoje no país 90% dos engenheiros(as) sao homens e 90% dos enfermeiros(as) são mulheres. Mesmo o país e a sociedade incentivando a escolha particular de cada pessoa, sem qualquer influencia hierarquica e social. Depois dessa pesquisa o país decidiu cortar todo financiamento na igualdade de genero por entender ser desnecessario.

    2. Alysson veja na Internet o que é a Agenda de Gênero proposta pela esquerda dominante da ONU e disseminada mundo afora por meio da UNESCO não é tão inocente quanto você pinta.
      Para facilitar, copiei o “link” do resumo de um livro cujo autor se aprofundou no assunto junto à ONU, por meio de funcionários que questionavam e novidadee eram boicotados nas reuniões plenárias.

      http://acordaterradesantacruz.com.br/wp-content/uploads/2013/03/Agenda-de-Genero-grp.pdf

      Abraços

    3. Construção histórica é um conceito ideológico comunista baseado nos escritos de Friedrich Engels. A própria expressão “construção histórica” não possui nenhum significa fora da ideologia comunista.
      As mulheres se comportam de determinada maneira por vários motivos, como: impulsos biológicos, constituição psicologia, necessidade social e etc. E esse comportamento é verdade até hoje, por sinal, nos países onde a ideologia de gênero e feminismo são mais fortes é o lugar onde as mulheres são mais infelizes.

    4. Quem está escrevendo inverdades é você! O nome correto é ideologia de gênero mesmo, não pode haver igualdade de gênero quando os gêneros são diferentes, ou pode? Agora, se você quer contestar a ciência aí é outra coisa!

    5. Caro Allison.
      Desculpe discordar, Ideologia se refere a um conjunto de ideias, ou seja, em nada se fundamenta no científico no caso de gênero. Sou a favor da igualdade, mas não da ideologia. Inclusive os ideólogos estão usando a desigualdade e as violências de gênero como argumentos legítimos para respaldar seus verdadeiros intentos. Sugiro que leia o livro Genero: desconstrução da identidade e também os escritos do Dr Jorge Scala. (Conheço também os autores que você citou). Qual a fonte em que consta as dificuldades no desenvolvimento motor de meninas? Eu gostaria de ler porque se desde que o mundo existe há desigualdade de gênero, era pra haver quase que totalidade de meninas com dificuldade motora pela lógica desta alegação. Forte abraço

    6. Nossos antepassados enfrentaram e rechaçaram os muçulmanos com espadas e muita coragem; hoje são acolhidos como vítimas da fome, perseguidos,etc, mas prontos para imporem sua religião, costumes e cortar o pescoço dos gays.Paremos de incentivar a “ideologia de gênero” ou o mundo ocidental cristão será dominado sem luta !

    7. Ou você está muito mal informado, e está sendo feito de trouxa, ou é um pilantra mesmo oara dizer que Ideologia de genero não existe. Sulamith Firestone, Judith Butler e Kate Milet, as grandes influenciadoras desta ideologia deixam muito claro seus objetivos politicos e de engenharia social. Leia um pouquinho mais sobre isso. Uma coisa não deixa de existir só porque você não conhece

    8. Quem deveria se instruir ao invés de postar esse lixo de resposta é você.
      Gênero se aplica às palavras. Palavras tem gênero (ou não) masculino ou feminino. Seres vivos tem sexo e quem define e definiu isso, ao longo da nossa história evolutiva, é a natureza. Tentar transformar a disforia de genero em algo normal e sadio para a sociedade, por causa de uma agenda ideológica travestida de justiça social, é que é desumano e doentio. Além de se uma grande estupidez.

    9. ,. o Jean Wyllys esta usando seu posto de deputado ´so para promover os LGBTS. TODO O psol E pt, NESTES 3 MANDATOS, SÓ BUSCARAM UMA COISA, PROMOVER OS lgbtS! sE ELES QUISESSEM , TERIAM TAMBÉM PROMOVIDO OUTRAS NECESSIDADES MAIS URGENTES NAS AREAS DA saude nA AREA DOS DIREITOS TRABALHISTA E ETC. ! sÃO UNS PSICOPATAS DOENTES , ACHAM QUE O POVO É IDIOTA DE ACEITAR SUAS IMPOSICOES MARXISTAS! sE ELES APRECIAM O MARXISMO E A IDEOLOGIA DE GENERO, É PROBLEMA DELES , NÃO VENHAM QUERER QUE O BRASIL SEJA OBRIGADO A TER OS MESMOS GOSTOS DESTES DOENTES lgbtS . vAO FORMAR UM ESTADO SEPARADO E VÃO VIVER DO JEITO DELES LONGE DE NOSSA SOCIEDADE E DE NOSSAS CRIANÇAS !

  2. Belo trabalho jornal livre,estou na luta com vcs,ja preparo meu filho contra este e outros absurdos e possa ouvir na escola,imposicao pura…..

    1. Se seu filho não aprender na escola a respeitar a diversidade e a identidade de gênero de cada um, talvez ele seja mais um que pratica a violência contra os LGBT’s.

  3. O que precisa ser feito é unir uma junta de Psicologos e geneticistas que não estão alinhados com essa escória e desmentir sobre as influências pré-determinadas da Epigenetica, quebrando de vez que nào existe esse tal de Gene gay. Uma vez explicando sobre a epigenetica e a suas funções quanto a metilação e expressão dos Genes e como o meio é importantíssimo para reescrever essas expressões essa mentirada toda da Ideologia de Gênero cairá, mas pra isso é preciso destruí-los com informação. Eles sabem da questão do meio ambiente em relação a epigenetica e por isso estão atacando as crianças cada vez mais cedo.

      1. Daniela Ferreira veja na Internet o que é a Agenda de Gênero proposta pela esquerda dominante da ONU e disseminada mundo afora por meio da UNESCO não é tão inocente quanto se pinta.
        Para facilitar, copiei o “link” do resumo de um livro cujo autor se aprofundou no assunto junto à ONU, por meio de funcionários que questionavam e novidadee eram boicotados nas reuniões plenárias.

        http://acordaterradesantacruz.com.br/wp-content/uploads/2013/03/Agenda-de-Genero-grp.pdf

      2. O vídeo O paradoxo da igualdade foi a produção de um jornalista norueguês incomodado com o volume de recursos públicos investidos nesta falácia. O vídeo foi responsável pelo despertamento daquela sociedade e levou o governo norueguês a rever seus investimentos em uma pseudociência. Hoje a Noruega reduziu em muito os investimentos e incentivos a esta ideologia.

    1. Brilhante! Seria a melhor maneira de nos colocar nos trilhos corretos da ciência na escola e, ao mesmo tempo, combater preconceitos ideológicos alimentados por ignorantes que se pretendem agir
      como educadores.

  4. Isso tem a ver com a nova ordem mundial que quer transformar homens em gays ou como preferir chama los isso facilita a dominação global pq homens gays não vão pegar em armas para guerriar contra um sistema opressor

    1. Porque você insiste em dizer que gay faz isso, hétero faz aquilo, negro faz outra coisa, mulher é assim e assado. Para com isso! existem gays no exército, no ballet, no rock, na engenharia, na advocacia, no poder público, nos hospitais, nas ruas, nos desertos, em todos os países…

  5. Ideologia de gênero ? Que coisa antiga! A próxima moda será ideologia de espécie. Porque somos obrigados a aceitar a espécie em que nascemos? O que nois impede de fazer transição para outra espécie, como Canina, Felina , etc.,, ?

  6. A tal ideologia é uma apelação dos “progressistas”. Não consigo enxergar como esse empresário irá ganhar dinheiro com isso, confesso que não entendo tal posicionamento.

  7. Parabéns à Associação Nova Escola pela defesa da igualdade de gênero nas escolas. É muito importante que se difunda o respeito às diferenças e seja lançada luz sobre o tema que está sendo deturpado por fundamentalistas com o único intúito de manter preconceitos com bandeiras mentirosas para fins eleitoreiros e financeiros

  8. A unica explicação que se encontra sobre essa discussão podre, idiota, absurda é que familia e crescimento humano tem que desaparecer, pois convenhamos como pode 2 pessoas do mesmo genero formar uma familia e haver continuidade de genero homem e mulher? Nao cabe esse absurdo, como 2 pesoas do mesmo sexo formara uma familia? Como irao parir pra se ter mais humanos. Quem defende essa porcaria nao tem o que fazer, alias tem sim pois vivem do efeito promiscuo da satisfação.

  9. Essas pessoas compraram a ideia de que a população da terra deve diminuir e nada melhor do que juntar dois homens e duas mulheres, não nasce ninguém. Imaginem uma suposição hipotetica (não tão hipotetica assim!) onde a metade da população da terra (homens) se isolem da outra metade (mulheres) se relacionem entre si (homem com homem e mulher com mulher). Adeus a humanidade! Vai ser pior que o maior dos asteroides cair na terra.

  10. Se fosse “só” isso que esses canalhas querem impor. A pauta é muito mais ampla, e por uma “coincidência” afeta áreas como segurança, saúde e educação, exatamente as áreas em que os engenheiros sociais e seus parceiros socialistas e financista mais atuam. Tudo que os operadores do mundo e seus empregados no país precisam para redesenhar a sociedade. Por uma tragédia imensa não temos mais quem se oponha a essa agenda – a honrosa exceção é o deputado Jair Bolsonaro, não por outro motivo é tão atacado e difamado, inclusive por “liberais” que só enxergam cifrões na frente – por isso o Brasil está cada vez mais enfiado no caos e incertezas.

  11. == > A esquerda utópica e os muçulmanos radicais, ambos agentes da barbárie, decaídos, sem realizações e méritos econômicos, ou culturais, em sua ânsia do lutar pelo poder absoluto, estão “sendo usados” pela ELITE GLOBALISTA com o objetivo de dividir cada vez mais a sociedade ocidental, destruindo-a materialmente e moralmente, bem como aviltando seus valores judaico-cristãos para impor um governo total.
    O verdadeiro motivo das várias ações cavilosas é a dominação global, sendo que as ações se dividem em etapas explicadas abaixo:
    1. A elite empresarial globalista há muito tempo percebeu a necessidade de não só estancar o crescimento populacional, mas de eliminar em massa as pessoas – o excesso de contingente, – cuja mão de obra será desnecessária e, portanto, dispensável a cada dia que passa. Por isso, promovem a necessária “despopulação” global.
    2. Também preocupante para a elite dominante, os “donos do dinheiro e do poder”, são o binômio “explosão demográfica X escassez de alimentos” e os dos recursos naturais insuficiente para atender a tão descomunal demanda;
    3. Não querendo sujar as mãos de sangue nessa tarefa e sabendo das intenções dos comunistas e dos muçulmanos, quanto à dominação, a elite globalista está usando de forma inescrupulosa esses agentes pérfidos para exterminar aqueles indivíduos considerados inúteis a seus propósitos, considerados pesos mortos;
    4. A outra forma para a “desconstrução” populacional urdida pela equipe de engenharia social, visando estancar o crescimento demográfico é a de estimular a sodomia e o casamento homossexual.
    Eu imagino que tanto comunistas, quanto muçulmanos serão usados e descartados após o serviço sujo, em prol da “sanidade social”, ou eugenia necessária ao tranquilo exercício da hegemonia dos perniciosos agentes da Nova Ordem Mundial.
    Assistam ao vídeo a seguir, atentem quanto ao número de operários vocês poderão contar ao longo do processo e reflitam:
    Isso tudo é de uma insanidade absurda, configurando um caso claro de condescendência criminosa.

    Luiz Coelho em 31/08/2017

  12. Pedofilia dá nojo. A finalidade é essa. Crianças expostas tão precocemente à cenas , fotos e vocabulário “sexual” se tornam mais vulneráveis aos predadores pois não diferenciam o que vêem no livro do que vivem realmente.
    E pior, não contarão aos pais pois na “escola” é falado todo dia.

    Pro verbo virar ação é moleza pra esses depravados.

    E vivemos em uma democracia não é? Onde o voto da “maioria” é o que vale. Então porque tantas minorias ditando regra de comportamento hoje?
    Banheiro unissex e trans é sujeira e pura imoralidade.

    Eu não sabia que esse calhorda estava patrocinando isso. Vou espalhar essa “notícia” imunda. Façam o mesmo

    Abs

  13. QUANTO MAIOR FOR O ESTADO,
    MENOR SERÁ O CIDADÃO…ISSO É FATO.

    “É preciso desde cedo ir preparando o futuro ”
    (Olavo Bilac)
    “Ensina a criança no caminho que ela deve andar,….”
    (Citação bíblica)
    Duas citações diferentes em tempos diferentes,
    dirigidas aos país e só aos pais, que apontam
    para o mesmo caminho, o do respeito da retidão, …

    -O estado nunca foi um bom criador de crianças……

  14. Ideologia ou igualdade de gênero não passa de uma agenda que tem por finalidade explorar crianças. Mesmo que um menino de 5 anos se veja como menina por que razão esse menino teria razão? Ou o contrário? Essas teorias são de uma bizarrice e sem qualquer tipo de senso pois estamos querendo impor uma mínima parte de entendimento impondo contra o entendimento de uma nação. Que democracia é Essa?

  15. Alguém que se torna bilionário graças, em grande parte, à maldição do vício em álcool, que destrói famílias inteiras no mundo todo não merece o dinheiro que tem e nem credibilidade. A diferença entre essa gente e traficantes é apenas a caneta da lei que torna a sua droga legalizada.

  16. No princípio Deus criou o mundo e todas as coisas que nela existe .fez Deus o homem e o chamou de Adão.vil que não era bom o homem ficar só.já que todos os seres viventes tinhao uma companheira .então da costela de Adão Deus formou a mulher sua companheira e Seu nome Eva.podem fazer oque quiser mas a verdade ninguém mudará.o homem tem o livre arbítrio para escolher se quer a verdade ou quer Se iludir com a mentira passageira a verdade e eterna .sou contra qualquer maldade ataque a qualquer pessoa .porque nos não estamos aqui para condenar ninguém mas induzir as crianças com a mentira não devemos aceitar.

  17. Gente isso tem coisa do espiritismo de Alan Kardec no meio, pois o próprio afirma em seus escritos que a reencarnação pode acontecer de a pessoa ser homem é reencarnar mulher ou vice versa… Então ideologia de gênero é espiritismo puro sendo disfarçado e empurrado guela abaixo nas mentes incaltas…

  18. Lemann é o brasileiro mais rico da seleta lista. Atualmente, está no bloco de controle da AB-Inbev, do fundo 3G Capital (dono do Burger King), da B2W (que reúne Lojas Americanas, Submarino) e da Kraft Heinz (Heinz, o Kraft Mac and Cheese, Philadelphia

    marcas de cerveja do grupo abinbev:
    Our diverse portfolio of well over 400 beer brands includes global brands Budweiser®, Corona® and Stella Artois®; multi-country brands Beck’s®, Castle®, Castle Lite®, Leffe® and Hoegaarden®; and local champions such as Aguila®, Antarctica®, Bud Light®, Brahma®, Cass®, Chernigivske®, Cristal®, Harbin®, Jupiler®, Klinskoye®, Michelob Ultra®, Modelo Especial®, Quilmes®, Victoria®, Sedrin®, Sibirskaya Korona®, and Skol®.

  19. A ideologia de gênero,
    é um crime contra a inteligência humana.
    A ideóloga e demagoga, Judith Bluter,
    ao querer dizer que o sexo é consequência cultural,
    certamente ela deve ter sido a única no mundo a conseguir tirar leite, através da aculturação de um bezerro.
    Quer fazer um teste?
    Pegue um bezerro assim que ele acabou de nascer, e o convença que ele agora é uma bezerra, então depois de 5 anos tente tirar leite dele.
    Você consegue?
    (Cientista, Fernand Pontes)

Deixe uma resposta