Militar que disparou para o alto e evitou que petistas massacrassem cidadãos é perseguido pela esgotosfera

Adjalbas Pereira, um dos policiais que precisou disparar para o alto para conter a confusão durante a visita de Lula em Salvador, BA, está sendo perseguido na esgotosfera petista.

Após o pseudo blog de sicários petistas, Diário do Centro do Mundo, descobrir que o policial é mais um dos brasileiros indignados com os crimes cometidos por Lula, foi publicada uma matéria absurda onde o homem de bem é comparado a terroristas.

É um notório anti-Lula, anti-PT. Mas, sobretudo, é um maluco favorável à intervenção militar e que agora precisa ser mantido sob vigilância. Afinal de contas, mostrou do que é capaz.

Veja outro trecho da matéria dos sicários do DCM.

Enquanto boa parte do mundo tinha os olhos voltados para o terrível ataque em Barcelona, um grupo fascistóide aguardava Lula em Salvador. Se o propósito era o de um atentado, em breve saberemos. A verdade é que alguns deles estavam armados e pelo menos dois efetuaram disparam. Cinco foram detidos.

Após comparar o policial honesto com terroristas para defender o maior bandido do país, o blog resolve revirar o passado do policial nas redes sociais para tentar imputar ao policial uma imagem de alguém perigoso, contudo, o que fica claro é que Adjalbas é mais um brasileiro indignado com as falcatruas cometidas pelos governos de extrema-esquerda, aqueles defendidos pelo DCM.

Anúncios

8 comentários sobre “Militar que disparou para o alto e evitou que petistas massacrassem cidadãos é perseguido pela esgotosfera

  1. O PM conteve uma turba enfurecida q queriam brigar entre si. Se não fosse o ato do Policial poderia ter ocorrido mortes. Parabéns ao herói PM Adjalba

Deixe uma resposta para Brasileiro Cancelar resposta