UJR e Levante depredam escola em João Pessoa e ameaçam estudantes

Nesta quinta feira ocorreu um ataque de movimentos de extrema esquerda contra estudantes em João Pessoa.

O Levante Popular e o UJR, União da Juventude Rebelião, e o APES, Associação Paraíba de Estudantes Secundaristas, depredaram duas escolas, a Estadual Olivina Olívia Carneiro da Cunha, que fica no centro de João Pessoa, e a escola Liceu Paraibano, também da região central.

unnamed (4).jpg

Os movimentos quebraram as janelas das escolas e ameaçaram os estudantes de violência física. Após os atos de vandalismo, ocorreu uma audiência pública na Assembléia Legislativa.

Saloah Sabino, estudante do Colégio Estadual Olivina Olívia Carneiro da Cunha, e coordenadora do Movimento Brasil Livre no estado, falou na Assembléia Legislativa sobre o ocorrido.

 

Anúncios

Deixe uma resposta