Google demite funcionário que escreveu memorando contra ideologia de gênero

Informa o G1:

A empresa dona do Google, Alphabet, demitiu o funcionário que escreveu um memorando interno de dez páginas na qual criticava as políticas de diversidade da companhia. O engenheiro de software sênior James Damore confirmou nesta segunda-feira (7) à agência de notícias da Bloomberg que foi demitido por “perpetuar estereótipos de gênero”.

E mais:

Na carta de 3 mil palavras, o funcionário, um engenheiro, afirma que “as opções e as capacidades de homens e mulheres divergem, em grande parte devido a causas biológicas, e estas diferenças podem explicar por quê não existe uma representação igual de mulheres (em posições) de liderança”.

Por fim, o cinismo:

Mas Danielle Brown, diretora da área de diversidade destaca que o Google sempre defendeu “uma cultura na qual aqueles que têm pontos de vista diferentes, inclusive políticos, sintam-se seguros de poder expressá-los”.

Deu para ver… O engenheiro se sentiu mesmo muito seguro para expressar seu ponto de vista divergente, só não sabia que seria demitido logo em seguida. Assim dá para ver de que lado realmente vem a intolerância.

Anúncios

14 comentários sobre “Google demite funcionário que escreveu memorando contra ideologia de gênero

  1. Toda empresa tem suas diretrizes de conduta. Não é questão de ser isto ou aquilo. Lugar de trabalho não é plataforma de comício. Quer defender seus ideais que o faça, mas não no local de trabalho. Tenho certeza que qualquer outra teria feito a mesma coisa. Essa manifestação foi sim, falta de respeito com os colegas e com a própria empresa.

    1. Afirmar que homens e mulheres são diferentes biologicamente (o que é um fato) e apontar isso como uma possível explicação (fica claro no texto que ele está especulando, não afirmando) para a ausência de mulheres em cargo de chefia é ofensivo para quem e por que ? De fato, estudos mostram que é difícil conciliar o estilo de vida de um executivo de uma empresa de ponta com maternidade, de forma que algumas mulheres tem que optar pela carreira ou maternidade. O que há de ofensivo em apontar isso ?

    2. O google é uma empresa PERTENCENTE À GLOBALISTAS, não confunda diretrizes com censura ditatorial, especialmente quando a HUMANIDADE está correndo grave risco de ser DEFINITIVAMENTE ESCRAVIZADA pela Nova Ordem Mundial, pelos Bildeberg (da qual o google faz parte), Iluminattis, Eurasianos (Russos e Chineses), a alienação custa muito caro, que o digam os venezuelanos.

    3. Ah, tá … Mas impor goela abaixo a ideologia de gênero não é falta de respeito com os colegas e nem “plataforma de comício”, é isso, Arnaldo?

      As tais “diretrizes de conduta” (uma ova!) estas, sim, são um amontoado de ditames de engenharia social idealizados pelos donos/gestores da empresa. Aí, tenho total certeza, se empregados defenderem esses ideais não somente não serão demitidos como talvez até ganhem medalhas. Hipocrisia!

  2. Eu gostaria de ler a carta dele na integra. Me pareceu um ponto de vista interessante e em partes que eu inclusive concordo. Não é uma questão de capacidade. Todos nós temos capacidade se quisermos ter. Mas acredito que existem mesmo diferenças que a própria biologia traz, que acabam tornando esse ou aquele melhor para determinadas funções. Não é uma questão de força física ou de inteligência, e sim uma questão de lidar melhor por exemplo com pessoas, máquinas, construção cívil, administração, medicina, cozinha, etc. Conforme falei, eu gostaria de ler a carta na integra para poder avaliar melhor se acho ou não a demissão dele justa.

  3. O fato é um só : esse papo LGBT já encheu o saco. Sim. Eles vão se impor. Pelo terror, como fizeram com o engenheiro e nunca por moral ou respeito.

    1. Exatamente, Tudo não passa de implementação de DITADURA… recomendo os ignorantes visitarem conspiratio3, lá embaixo de uma lista com mais de 200 assuntos organizados por ordem alfabética, requer estudo para que as pessoas entendam o risco que a humanidade está correndo!

  4. Não tem jeitoJá estamos em um nível, que se você não liberar o brioco ou se recusar a traçar um brioco peludo, você é homofóbico e deve ser severamente punido.

Deixe uma resposta