Pós sobre ‘A Esquerda no Século 21’ começa com abaixo-assinado pró-Dilma

Não chega a ser surpresa, ainda mais sabendo quem iria ministrar o curso, mas agora já é fato que o curso de pós-graduação sobre “A Esquerda no Século XXI” tinha como intuito defender o projeto de poder petista.

Conforme a Folha de São Paulo, com um burburinho que logo a levou a ser chamada em redes sociais de “pós em esquerdismo”, a especialização tem no deputado federal Pedro Uczai (PT-SC) seu principal fiador.

“A pós não é chapa branca, não é para puxar o saco do PT”, diz o parlamentar, liderança da legenda na região. “É para refletir sobre o que nós [da esquerda] fizemos e o que temos que fazer, para problematizar as críticas que precisamos tecer a nós mesmos.”

Uczai fez a divulgação do “curso lato sensu mais polêmico do Brasil”, como diz, e convidou colegas de partido para lecionarem na pós. O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad –que fez a aula inaugural, na sexta (4), e a ex-presidente Dilma Rousseff são alguns deles.
E, é claro, o mais importante de tudo: A organização circulou um abaixo-assinado que pede ao Supremo Tribunal Federal a anulação do impeachment de Dilma e a recondução dela ao cargo. Haddad negou na solenidade, mais uma vez, que seja um “plano B” do PT e reafirmou que o candidato da sigla é Lula. A afirmação foi recebida com muitos aplausos e alguns gritos de “fora, Temer”.
Anúncios

Deixe uma resposta