Delcídio pode ter delação premiada cortada, livrando a cara de petistas

Delcídio do Amaral, ex-senador, fez acordo de delação premiada e se livrou da prisão. Tal acontecimento causou alvoroço no meio político que foi atingido pelos depoimentos de Amaral.

Um ano e cinco meses depois, procuradores revelam que as informações de Delcídio não surtiram efeitos práticos, o que pode fazer com que aconteça uma reavaliação do caso, e isso poderá resultar em um corte nos benefícios concedidos ao ex-senador.

 

Anúncios

Deixe uma resposta