Fim do mundo: Goleiro Bruno deixa prisão domiciliar e vai dar aulas para crianças

Informa a Veja:

O goleiro Bruno Fernandes, condenado a 22 anos e 3 meses de prisão por matar e ocultar o cadáver da ex-namorada Eliza Samudio, com quem teve um filho, recebeu autorização da Justiça nesta quarta-feira para dar aulas de futebol a crianças e adolescentes em uma entidade de assistência social.

Bruno passou bem menos tempo na prisão do que deveria, o que já é comum em nosso sistema penal. Como se isso não bastasse, ele voltou à vida profissional e agora terá acesso a crianças e adolescentes.

Note-se que não estamos falando de um criminoso comum, mas de alguém capaz de matar a mãe do próprio filho, esquartejá-la e ocultar seu cadáver, além de fazer tudo isso sem demonstrar qualquer remorso.

Anúncios

7 comentários sobre “Fim do mundo: Goleiro Bruno deixa prisão domiciliar e vai dar aulas para crianças

  1. Tudo bem ele erro feio mais ele só tirou uma vida e tá sendo punido por isso .agora veja quantas vidas esses políticos pilantras estão destruindo e nada acontece com eles .a HUMANIDADE e burra vê erros no escuro mais não enxerga a destruição causada pela sua ingenuidade no claro. Tudo dia morre um pobre assinado e o assassino e esquecido todo dia morre uma mulher da forma mais brutal e cruel que possamos pensar mais não tem dinheiro o assassino e esquecido mais o Bruno e Eliza são lembrados .aonde está o erro.

  2. Qm está fudendo nosso país n é o Bruno n são os políticos deixa o cara seguir a vida dele porra vamos se preocupar em colocar esses políticos filhos de uma puta na cadeia

  3. Não sei porque o espanto. …num país que tem um ex presidente ladrão em liberdade , onde o atual presidente, o senado e deputados são todos ladrões, qual problema nesse caso……

Deixe uma resposta