Corregedoria vai investigar desembargadores por habeas corpus de filho da presidente do TRE-MS

O ministro João Otávio de Noronha, Corregedor Nacional de Justiça, determinou que se instaurasse uma reclamação disciplinar contra os desembargadores do Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul, sendo eles: Tânia Garcia de Freitas Borges, presidente do Tribunal Regional Eleitoral/MS, José Ale Ahmad Netto e Rui Celso Barbosa Florence. A medida é parar apurar se existe violações à Lei Orgânica da Magistratura Nacional. Os três são investigados pelo habeas corpus para Breno Fernandes Borges, filho da desembargadora Tânia, que foi preso em flagrante por tráfico de drogas no dia 8 de abril.

As informações foram divulgadas pela Corregedoria Nacional da Justiça.

 

Anúncios

Deixe uma resposta