Bendine planejava fugir amanhã, mas a PF foi mais rápida

No despacho que autorizou a prisão de Aldemir Bendine, obtido com exclusividade por O Antagonista, o juiz Sérgio Moro ressaltou que os mandados deveriam ser cumpridos antes do dia 28 de julho de 2017, “considerando a viagem de ida de Aldemir Bendine para Portugal, caracterizada como possível fuga”.

Bendine comprou passagem só de ida para Portugal e, de lá, provavelmente, planejava fugir para a Itália, país do qual tem cidadania. Ele tentava repetir os passos de Henrique Pizzolato, o ex-diretor do BB condenado no mensalão.

A informação é do site O Antagonista.

Anúncios

Deixe uma resposta