Augusto Nunes detona advogados petistas: “Lula é o perseguido político mais rico do mundo”

O colunista Augusto Nunes, na Veja, descreveu de forma clara quais foram os equívocos e as malandragens da defesa de Lula. Mais que isso, ele de fato humilhou os advogados petistas expondo fatos importantes e desmoralizando toda a tese. Veja alguns trechos:

Abalados com os nove anos e seis meses de prisão que transformaram o cliente no primeiro presidente brasileiro condenado por atropelamento do Código Penal, os bacharéis do Instituto Lula parecem ter esquecido o restante da sentença: o juiz Sergio Moro também decidiu que o réu teria de devolver R$ 10 milhões tungados da Petrobras. Na quarta-feira, os distraídos doutores se dedicaram exclusivamente ao recomeço da versão petista da Ópera do Malandro, cujo enredo tenta transformar em perseguido político um condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

O que Nunes quer dizer aqui é que o confisco de bens do ex-presidente não se tratou de uma “nova sentença” posterior a sua condenação, mas que ela já fazia parte da sentença original dada por Sérgio Moro, e que ele só a fez cumprir. Os advogados se fizeram de desentendidos, de fato.

Na quinta-feira, enquanto uma plateia de Série C assistia a outra missa negra na Avenida Paulista, em louvor do direito de ir e vir do supremo sacerdote da seita, Moro ampliou a contra-ofensiva. O Brasil ficou sabendo que Lula resolveu preocupar-se com a aposentadoria em 2014, quando se aproximava dos 70 anos, e aplicou R$ 9 milhões em dois planos de previdência privada, um deles em nome da empresa que cuida das discurseiras fantasiadas de palestras. (Ou cuidava: os convites sumiram assim que apareceu a Lava Jato).

De acordo com Leandro Ruschel, que fez um cálculo a respeito deste valor na previdência privada de Lula, seria necessário que ele tivesse contribuído por cerca de 30 anos com um valor de aproximadamente R$ 12 mil mensais, o que sabemos que nunca aconteceu de fato.

Por fim, Augusto Nunes fecha com chave de ouro:

Com apenas dois lances de enxadrista, Sergio Moro deixou claro que o presidente que passava o tempo todo pensando nos pobres era a camuflagem do camelô de empreiteira que só pensava em virar milionário. Virou. É o perseguido político mais rico do mundo.

Anúncios

Um comentário sobre “Augusto Nunes detona advogados petistas: “Lula é o perseguido político mais rico do mundo”

  1. Também pudera estes advogados petista recebem seus horários! Pagos com recursos da corrupção implantado por a maior quadrilha institucionalizada no país!

Deixe uma resposta