Ditador Maduro prende dois juízes do Supremo paralelo da Venezuela

Dois juízes de um tribunal paralelo designado pelo Parlamento venezuelano, de maioria opositora, foram detidos nesta terça-feira, 25, elevando para três o número de magistrados aprisionados, informou o Legislativo.

Os serviços de inteligência “mantêm sob detenção os magistrados recém juramentados pela Assembleia Nacional (AN) Jesús Rojas Torres e Zuleima González” no Estado de Anzoategui, afirmou o Parlamento em sua conta no Twitter.

No sábado, o juiz Ángel Zerpa foi detido, sendo levado perante um tribunal militar na segunda-feira, de acordo com a ONG Foro Penal e o líder da oposição Henrique Capriles. A Procuradoria apresentou um recurso pedindo sua libertação.

A informação é do Estadão.

Anúncios

Deixe uma resposta