Assessor de Evo Morales é preso com 100 quilos de cocaína pura em SP

No dia 7 de julho, o delegado José Eduardo Jorge, da Polícia Civil de São Benardo do Campo, prendeu em flagrante Leonardo de Faria,  Everton Gambarró Ploia, Olbis Rueda Garcia e Romer Gutierrez Quezada. Eles estavam com 99 quilos e 245 gramas de cocaína pura distribuída em 100 tijolos em um carro.

Durante as investigações, a DEA, agência anti-drogas dos EUA, informou que Romer Gutierrez Quezada foi assessor especial do ditador da Bolívia, Evo Morales, e trabalhou no partido MAS, Movimento para o Socialismo.

É bom lembrarmos que Evo Morales foi líder sindical dos cocaleros, os plantadores de folhas de coca.

Anúncios

Um comentário sobre “Assessor de Evo Morales é preso com 100 quilos de cocaína pura em SP

Deixe uma resposta