Mesmo após sete meses, STF ainda não abriu ação penal contra Renan

Sete meses após o Supremo Tribunal Federal transformar Renan Calheiros em réu, ainda não houve abertura da ação penal contra o então presidente do Senado.

O tribunal  não publicou o acórdão necessário para o andamento da ação por conta de uma jogada de Celso de Mello: ele ainda não entregou a revisão do seu voto.

Em média os acórdãos são publicados em dois meses, porém Celso de Mello parece estar sem pressa.

O caso envolvendo Renan Calheiros se arrasta desde 2007. Será que algum dia ele será condenado?

Anúncios

Deixe uma resposta