Randolfe e Molon tentam melar no tapetão a denúncia contra Temer na CCJ

O senador Randolfe Rodrigues e o deputado Alessandro Molon — ambos da Rede, partido de Marina Silva — pediram hoje (11) ao Supremo Tribunal Federal (STF) que anule as trocas que a a base aliada do governo tem promovido na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara com o objetivo de evitar uma votação desfavorável na denúncia por corrupção passiva.

A ação também pede que o Supremo determine que a Câmara recomponha a CCJ com os mesmos deputados federais que a integravam no dia 29 de junho, quando a denúncia foi recebida na Câmara.

Caberá à presidente do STF, Cármen Lúcia, analisar a ação, que inclui um pedido de decisão liminar. Carmen já foi especulada para se filiar à REDE e candidatar-se a cargo eletivo nas próximas eleições.

Anúncios

Deixe uma resposta