Ex-procurador Marcelo Miller deixa escritório de advocacia da JBS

O Painel, da Folha, informou que o ex-procurador Marcello Miller, braço direito de Janot que deixou a força-tarefa da Lava Jato em Brasília para atuar no escritório que faz a leniência da J&F, saiu da firma da qual havia se tornado sócio. A saída teria acontecido após acordo entre ele e a direção da banca.

O mais provável, no entanto, é que ele tenha se retirado para sair dos holofotes ou porque essa história acabou refletindo mal na imagem da empresa.

Anúncios

Deixe uma resposta