Jair Bolsonaro desintegra jornalista Tognolli que chamou-o de privilegiado em emendas do governo

O jornalista Cláudio Tognolli tem dado o que falar com suas declarações sobre a direita brasileira.

Em um dos programas de “esquenta” para a re-estreia de “Os pingos nos Is”, antigo programa de Reinaldo Azevedo na Jovem Pan, que agora é comandado por Joice Hasselman, e tem em sua equipe Tognolli e Felipe Moura Brasil, alguns comentários feitos por Tognolli sobre o que era ser de direita causou revolta na internet.

Quando questionado por Joice sobre um segundo turno entre Lula e Bolsonaro, Tognolli respondeu: “O que é você ser de direita? É você suprimir direitos e garantias individuais, é você suprimir associações de classe, liberdade religiosa, o carnaval, passeata gay (…)” e por aí vai.

Tognolli, que se gaba de ter um profundo conhecimento do assunto político, mostrou com esse comentário que é um completo ignorante.

Confira:

Depois dessa, agora Tognolli novamente falou groselhas no programa. Disse que Bolsonaro foi o maior beneficiado numa distribuição orçamentária feita pelo Governo Temer. E recebeu a resposta de Bolsonaro, confira:

 

 

 

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “Jair Bolsonaro desintegra jornalista Tognolli que chamou-o de privilegiado em emendas do governo

Deixe uma resposta