Que fase: até Lula desmente manifesto com Temer e diz que é “pura invenção”

Quando saiu a notícia veiculada na coluna Painel, da Folha, de que Lula estaria junto com Dilma Rousseff, Michel Temer e Aécio Neves, por meio de seus advogados, elaborando um manifesto conjunto contra o Judiciário e o Ministério Público, nós, do JornaLivre, suspeitamos que era “fake news”.

Não faria o menor sentido tático uma aliança desse tipo, pois iria gerar um clima muito negativo em todas as militâncias, especialmente as do PT. Só se os estrategistas dos partidos estivessem sob efeito de ácido para tomar uma decisão tão maluca.

Agora o ex-presidente Lula diz que era tudo mentira: “A informação, na capa do UOL nessa manhã de domingo, é pura invenção. De tempos em tempos, o jornal Folha de S.Paulo publica, com base em fontes anônimas, balões de ensaio mentirosos como esse”, rebate Lula, que lembra de outra informação incorreta publicada pelo jornal, sobre uma reunião entre ele, FHC e Sarney, “que nunca ocorreu”.

Leia a nota:

“Jornalismo sério confirma os fatos e não se pauta por mentiras”, critica.Leia abaixo a nota:Jornalismo sério confirma os fatos e não se pauta por mentiras. A informação, na capa do UOL nessa manhã de domingo é pura invenção. De tempos em tempos, o jornal Folha de S.Paulo publica, com base em fontes anônimas, balões de ensaio mentirosos como esse. Primeiro, foi a reunião, que nunca ocorreu, entre FHC, Lula e Sarney, para discutir um acordo político. Agora, o jornal trata de uma costura entre Temer, Dilma e Lula que redundaria em manifesto “anti-judiciário”. Daqui a pouco serão Lula, Neymar, Luis Suárez e Lionel Messi acertando a vinda deles para o Corinthians. Assim caminham as fofocas.”

Desta vez, Lula está certo, pois até para divulgar “fake news” seria preciso que a mídia buscasse verossimilhança, que desta vez não se fazia presente.

O pior é tomar puxão de orelha de Lula.

Anúncios

Deixe uma resposta