Procuradores de Brasília ligados a Janot ameaçam abandonar cargos se Raquel Dodge assumir a PGR

Alguns dos procuradores à frente da Lava Jato na Procuradoria-Geral da República ameaçam abandonar seus cargos se a subprocuradora Raquel Dogde for confirmada no Senado como nova chefe do Ministério Público Federal, informa a Época.

Os tais procuradores, naturalmente, são ligados ao atual PGR Rodrigo Janot, que por sua vez queria o nome de Nicolao Dino para sucedê-lo. Não dá para saber precisamente qual seria a estratégia de Janot e Dino, mas dá para imaginar. Dino possui estreitas ligações com a extrema-esquerda, era o candidato preferido pelos petistas. É, inclusive, irmão de Flávio Dino, atual governador do Maranhão pelo PCdoB.

Estes procuradores não seriam, por acaso, os mesmos aliados de Janot que indicaram Nicolao na lista tríplice?

Anúncios

2 comentários sobre “Procuradores de Brasília ligados a Janot ameaçam abandonar cargos se Raquel Dodge assumir a PGR

Deixe uma resposta