Mallu Magalhães dá tapa de pelica em fascistas culturais em entrevista contra o preconceito

Para praticar virtue signalling (encenação de virtude), a extrema esquerda passou a perseguir a cantora Mallu Magalhães há pouco mais de um mês. Os fascistas adotaram a narrativa de que ela teria sido racista ao fazer o clip “Você não prestas” trazendo mais dançarinos negros do que brancos.

“Em nenhum momento eu considerei a cor de ninguém durante a seleção de casting, nem reparei no número de pessoas, qual cor elas eram… […] Um grupo de pessoas negras se sentiram ofendidas, disseram que eu estava usando o corpo negro para adornar o meu clipe. Não foi a minha intenção”, se justificou sobre a situação.

Sobre o clipe, ela afirmou: “Continuo com a minha opinião de achar que o clipe é bonito e, claro, não foi minha intenção [ser racista] e continuo vendo o clipe como um vídeo de convite, mas o debate que se acendeu, os argumentos das pessoas… Quer dizer, Fátima, a gente aprende também que a gente não consegue prever a ferida dos outros.. […] Eu entendo essas pessoas [ que se sentiram ofendidas]. São argumentos que nunca passaram pela minha cabeça e, por isso, eu fico triste. Realmente não foi a intenção”.

Depois disso, ela deu um tapa de luva de pelica nos que foram preconceituosos contra ela, antes de tocar uma música de samba: “Essa é para quem é preconceituoso e acha que branco não pode tocar samba”.

Reveja o clipe que gerou o ataque de virtue signalling:

Anúncios

3 comentários sobre “Mallu Magalhães dá tapa de pelica em fascistas culturais em entrevista contra o preconceito

  1. Racistas somos todos. Mas está patrulha da extrema esquerda para mim é mais falta do que fazer do que qualquer outra coisa. Porque não atuam em situações de racismo que são realmente relevantes?

  2. É interessante a postura da petralhada.
    Se não contrata dançarinos negros é taxado de racista e facista.
    Se tem mais negros e o título ou o tema da música faz com que eles achem que houve racismo, partem para a agressão.
    Que tal mandar esses facistas irem T.N.O.D.C?
    Vão patrulhar a P.Q.P. no quinto dos infernos!!!
    Mallu Magalhães, para os petralhas, seu erro foi não pagar propina a eles ou não vestir vermelho.

Deixe uma resposta