Lula diz que Procuradores da Lava Jato devem ser exonerados por “mentir”

Em entrevista à Rádio Tupi AM do Rio de Janeiro, Lula disse o seguinte:

A primeira frase é correta. De fato, um indivíduo só pode ser preso na hipótese de ter cometido um crime e, mais do que isso, caso não haja flagrante nem pedido de preventiva/temporária, isso só ocorre após o julgamento de segunda instância confirmando eventual sentença condenatória. E, quando isso acontece, não há muito como culpar os acusadores e/ou dizer que estejam mentindo.

Eis o básico.

Para além disso, é natural que o petista, sendo parte do processo, estabeleça uma relação de adversidade com quem de fato esteja “do outro lado” numa ação judicial. Ele se defende e, como estratégia de comunicação, “ataca quem acusa”. É totalmente do jogo, embora os argumentos não sejam aquela maravilha.

Esse discurso funciona? Saberemos em 2018, caso ele consiga reunir os requisitos necessários para registrar candidatura.

No mais, é curioso que tenha falado em “exoneração”, palavra até difícil para parte do povo. Afinal, a demissão (sobretudo assinalada “a bem do serviço público”) tem caráter punitivo e a exoneração é mero ato administrativo corriqueiro.. Mas isso é detalhe que escapa na hora. No mais, aguardemos.

As informações são do site Implicante.

Anúncios

Um comentário sobre “Lula diz que Procuradores da Lava Jato devem ser exonerados por “mentir”

Deixe uma resposta