Fachin livra parcialmente Lula de Sérgio Moro, mas não na questão do triplex

Edson Fachin acatou um recurso apresentado pela defesa de Lula pedindo que fosse enviado para a Justiça Federal em Brasília e não para a de Curitiba as declarações de Emílio Odebrecht e Henrique Valladares, executivo da Odebrecht, sobre suposta propina paga pela OAS na licitação das usinas de Santo Antônio e Jirau.

A informação é da coluna de Lauro Jardim, d’O Globo.

Anúncios

Deixe uma resposta