Em emenda de projeto, Zeca Dirceu escreve “resseção” e mata a língua portuguesa

Zeca Dirceu, deputado do PT e filho de José Dirceu, anda massacrando a norma culta. Ao justificar a apresentação de uma emenda a um projeto, a excelência discorre sobre a situação econômica e, lá pelas tantas, tasca um “resseção”, em vez de recessão.

Ainda que o texto tenha sido escrito por funcionários do gabinete, cabe ao nobre parlamentar dar uma lida antes de assinar embaixo. Caso contrário, o menor dos problemas pode ser uma escorregada no uso das palavras.

A informação é do Radar On-Line.

Anúncios

Deixe uma resposta