Em desespero, Joesley entrega laudo contratado para dizer que gravação é legítima

Livre e solto pelo Brasil desde domingo, Joesley Batista (sócio da JBS), entregou à PGR um laudo elaborado por perito forense americano, que atestaria a autenticidade da gravação feita pelo empresário de conversa mantida com o presidente Michel Temer no Palácio do Jaburu.

A análise de audiometria teria sido feita por um ex-integrante do FBI, a Polícia Federal americana, colaborador frequente do governo dos Estados Unidos e que atua em investigações do Departamento de Justiça americano (DoJ). Porém, isso ainda não serve como validação.

Ele teria encomendado outro áudio para um perito forense europeu e já o enviou também à PGR.

O problema é que o acordo de impunidade dos irmãos Joesley e Wesley tem sido extremamente contestado.

Outro problema é que Fachin já encomendou uma perícia à PF, o que torna as duas perícias de Joesley irrelevantes, chegando até a aparentar desespero.

A informação é da Veja.

Anúncios

Um comentário sobre “Em desespero, Joesley entrega laudo contratado para dizer que gravação é legítima

  1. Traduzindo: esse sujeito imprestável quer mostrar ao país que a perícia daqui não presta e que só ele tem o poder e autoridade para dizer e fazer, o que bem entender com o Brasil; ou seja na cabeça dele ” país de tolos”.

Deixe uma resposta