Palocci dispensa testemunhas ligadas ao PT. Delação está a caminho…

Os advogados do ex-ministro Antônio Palocci pediram ao juiz Sergio Moro para que fossem dispensados de testemunhar o empresário Jorge Gerdau, o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo e o vereador Eduardo Suplicy. O trio havia sido convocado para testemunhar em favor de Palocci.

O pedido de dispensa inclui ainda o senador Jorge Viana (PT-AC), o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) , o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) e o vice-governador do Rio, Francisco Dornelles.

A informação é da Veja.

Anúncios

3 comentários sobre “Palocci dispensa testemunhas ligadas ao PT. Delação está a caminho…

  1. Provavelmente devem fazer parte dos denunciados por ele, o que seria no mínimo esperado para se validar o acordo, além de todo o resto da quadrilha desse antro chamado PT

  2. Espero que o Palocci não seja tolo como o Mocha, a liberdade dele e sua família são muito mais importante que o molusco.
    Faça a delação e entrega o molusco que a maioria das pessoas do bem, já sabem que ele é o chefe das organizações criminosas.
    Vamos lá italiano, seja corajoso para livrar o País destas quadrilhas dos Vermelhos!!!

Deixe uma resposta