Após crise, Temer perde mais um funcionário do alto escalão

O ex-deputado do PMDB Sandro Mabel disse, em entrevista ao Estadão, que irá deixar o cargo de assessor no Palácio do Planalto. “Acertei ontem com o presidente saída do governo”, disse.

Mabel alegou que atuava como auxiliar do governo Temer, sem receber salário por isso, e que já pretendia sair desde dezembro do ano passado, mas gora a cobrança da família pesou na decisão de deixar o governo.

Sobre a crise pela qual passa o presidente Temer, Mabel apenas comentou: “Acho que o presidente vai conseguir superar este momento”. E acrescentou: “Quanto a mim, estou me aposentando”.

 

Anúncios

Deixe uma resposta