JBS envolve PT e extrema-esquerda já fala que tudo é armação para atingir Lula.

O blogueiro petista Mauro Santayana adota a seguinte teoria da conspiração: todos os escândalos revelados nas delações de Joesley Batista não passam de conspiração para atingir Lula.

Alguns trechos:

“A ideia de uma nova campanha pelas Diretas Já é correta, do ponto de vista da lógica democrática. Mas se formos objetivos e pragmáticos, considerando a atual situação política, retira tempo precioso da oposição, que poderia ser utilizado, caso as eleições se fizessem normalmente em 2018, para que Lula se recuperasse e refizesse — aproveitando a crescente impopularidade do governo Temer e denunciando e esclarecendo as mentiras de que tem sido alvo — sua relação com a opinião pública e seu caminho para a Presidência da República.”

“Uma eleição agora, mesmo que direta, pode jogar o poder no colo de Jair Bolsonaro, apoiado pela sensação de caos institucional, pela condição de não estar sendo processado pela Lava Jato, e, caso chegue ao segundo turno, como as pesquisas indicam, por uma aliança que abrangeria da extrema-direita a setores mais oportunistas do próprio PMDB e do PSDB, passando pelo “centro” fisiológico dos partidos nanicos conservadores, unida pelo objetivo comum de evitar, a qualquer custo, que o PT e sua “jararaca” voltem à Presidência da República.”

“Finalmente, a leitura mais correta é de que os principais alvos das mais recentes manobras da “justiça” não sejam nem Temer nem Aécio, por mais implacáveis que sejam, contra ele, os juízes e procuradores. As acusações contra os dois foram forjadas — já que se tratam claramente de arapucas propositadamente montadas — como forma de abrir caminho, definitivamente, para a condenação de Lula.”

A percepção da população de que a Justiça e o Ministério Público estavam sendo totalmente seletivos e parciais no trato dos gregos com relação aos troianos vinha crescendo a olhos vistos nas últimas semanas, e aumentava, na mesma proporção, a popularidade e as intenções de voto do ex-presidente da República, especialmente depois de seu depoimento em Curitiba e da absurda proibição de funcionamento do seu instituto. Com as acusações contra Temer e Aécio, o antipetismo entrega duas torres para capturar e eliminar o Rei que odeia e persegue, sem êxito, há tanto tempo. A partir de agora, ninguém pode mais dizer que a Operação Lava Jato só atinge o PT, enquanto afaga seus adversários.

E Lula poderá então, ser condenado “exemplarmente” por Moro, aproveitando-se o caos político que tomará conta do país nas próximas semanas, sendo definitivamente impedido de voltar por via eleitoral ao Palácio do Planalto, tanto agora, em eventuais “Diretas Já”, como em 2018.

Que coisa, não?

Anúncios

3 comentários sobre “JBS envolve PT e extrema-esquerda já fala que tudo é armação para atingir Lula.

  1. Quando se refere a “esquerdas”, qualquer coisa e a mesma coisa! PT, PSDB, PMDB, PSOL, PC do B etc…etc…etc…………… São comunistas do mesmo saco!

Deixe uma resposta