Vitória do Brasil: Temer deverá vetar partes da ‘Lei de Imigração’

por Rafa Silva

De acordo com matéria da Folha de São Paulo, desta quarta feira (17), o presidente Michel Temer decidiu vetar partes do polêmico projeto da “Lei de Imigração”, que praticamente elimina as fronteiras do país, facilitando a entrada e circulação – sem controle – de estrangeiros em todo território nacional.

O projeto, de autoria do Senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), foi alvo de protestos nas ruas e nas redes sociais, bem como de forte oposição do Ministério da Defesa, do Gabinete de Segurança Institucional e da Polícia Federal.

Os órgãos afirmam que o projeto enfraquece a segurança nacional, além de facilitar o ingresso de criminosos sem o mínimo de controle por parte das instituições que efetuam a fiscalização da fronteira.

Direita fez trabalho importante

A oposição popular ao projeto da esquerda tucana foi forte nas redes e nas ruas. O grupo “Direita São Paulo” conduziu manifestação na Avenida Paulista, no dia 3 de maio, e foi alvo de bomba caseira lançada por “refugiado” palestino. Grupos como o “Movimento Brasil Livre” e o “Avança Brasil” conduziram campanha pelo veto de Temer nas redes sociais.

Anúncios

2 comentários sobre “Vitória do Brasil: Temer deverá vetar partes da ‘Lei de Imigração’

Deixe uma resposta