Doria inaugura primeiro Centro Temporário de Acolhimento na cidade de SP

Doria avalia que São Paulo tem 25 mil moradores de rua. O prefeito inaugurou o primeiro Centro Temporário de Acolhimento, na Avenida Alcântara Machado, no Brás. Doria explicou que homens e mulheres vão ficar no CTA por até 120 dias, para treinamento, capacitação, e depois buscar emprego.

O prefeito prometeu ainda mais oito unidades até o final do ano, com a inauguração de um por mês, em uma estrutura montada pela iniciativa privada, ao custo de 1 milhão e 350 mil reais.

A capital paulista tem 83 centros de acolhida, que irão se tornar Espaços Vida. 75 funcionam 24 horas e a diferença para os CTAs é o local temporário com treinamento para o mercado de trabalho, com oficinas de capacitação, informática e palestras do programa Trabalho Novo.

A matéria é da Jovem Pan.

Advertisements
Anúncios

Deixe uma resposta